iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

14/11 - 22:37

América-RN vira sobre São Caetano no fim e respira na Série B
Nono colocado com 50 pontos, o Azulão agora não tem qualquer chance de acesso à Série A; Já o América abre quatro pontos em relação à zona da degola

Gazeta Esportiva

Foi com muito sufoco que o América-RN conquistou sua primeira vitória fora de casa na Série B do Campeonato Brasileiro, ao bater o São Caetano, de virada, por 2 a 1 nesta sexta-feira.

Com o resultado, a equipe potiguar respira na competição, aparecendo na 15ª colocação com 43 pontos, quatro a mais que o Fortaleza, primeiro time da zona de rebaixamento. Já o São Caetano, que entrou em campo com poucas pretensões, é o nono colocado com 50 pontos e agora não tem qualquer chance de acesso à Série A.

Na próxima rodada, o América-RN segue na luta contra o rebaixamento diante do Barueri, fora de casa, enquanto São Caetano recebe o Juventude.

O jogo
Mesmo sem muita motivação, o São Caetano começou a partida no ataque e não demorou para abrir o placar. Aos cinco minutos, Gérson arriscou e a bola passou com perigo para o time potiguar.

Dois minutos depois, o São Caetano fez 1 a 0, quando, após cobrança de falta de Andrezinho para a área, o goleiro Fabiano saiu mal do gol e Ademir Sopa subiu mais que a zaga para tocar de cabeça.

Contudo, após o bom começo, o São Caetano passou a ser pressionado pelo América, que precisava do resultado pra espantar o fantasma do rebaixamento. Aos dez minutos, Jimmy cabeceou na trave. No lance seguinte, Saulo cobrou falta e exigiu grande defesa de Luiz.

A pressão do América era intensa e o São Caetano só voltaria a atacar com perigo aos 36 minutos, quando Júlio cobrou falta e Fabiano fez boa defesa. Dois minutos depois, Tuta teve a chance, mas o goleiro do América voltou a aparecer.

Ainda no final do primeiro tempo, o time visitante teve a chance do empate, em uma cobrança de escanteio que passou muito perto do goleiro Luiz.

Na volta para o segundo tempo, o América seguiu pressionando e perdeu uma chance incrível para empatar aos 21 minutos. Na jogada, Cascata deixou Jimmy na cara, do gol, mas o atacante conseguiu chutar para fora.

Contudo, o bom futebol do América seria recompensado no final da partida. Aos 42 minutos, após cruzamento da direita, Marcelo Nicácio cabeceou para empatar. Três minutos depois, em nova jogada pelo lado direito, Fábio Neves recebeu passe dentro da área, tocou para o gol e ajoelhou emocionado para comemorar.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias