iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

12/11 - 21:29

No Rio, Marcos pode ajudar o ataque: aos 44 do segundo tempo
“Ele pode ir para a área, sim, pode se mandar em uma situação de desespero”, disse Luxemburgo

Gazeta Esportiva

SÃO PAULO - O torcedor do Palmeiras pode ver o goleiro Marcos no ataque em outras oportunidades. Mesmo depois de toda a polêmica da partida contra o Grêmio, o técnico Vanderlei Luxemburgo descartou proibir a presença do arqueiro na frente em um momento de desespero, no final de uma partida decisiva.

“Ele pode ir para a área, sim, pode se mandar em uma situação de desespero”, respondeu Luxemburgo, ao ser questionado sobre a possibilidade de o Verdão estar perdendo para o Flamengo, no próximo final de semana, aos 44 minutos do segundo tempo.

Marcos teve que explicar ao treinador nesta semana porque abandonou sua meta diante do Grêmio quando ainda restavam 15 minutos para o final da partida. Irritado, Luxemburgo solicitou o retorno de seu capitão às funções de goleiro. Porém, o camisa 12 alegou que estava sem noção do tempo de jogo.

“Em todas essas investidas de goleiros, saíram dois ou três gols de cabeça. Se goleiro fosse bom pra caramba, não iria jogar no gol, seria de outra posição”, lembrou Luxemburgo.

Diante do Grêmio, Marcos alegou que foi ao ataque apenas para tentar “trombar” com os zagueiros adversários. O goleiro admite que deve ser visto como um “grosso” quando atua na linha.


Leia mais sobre: Palmeiras Marcos Vanderlei Luxemburgo



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo