iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

12/11 - 16:24

Com dois a menos, Udinese avança após 20 cobranças de pênaltis

Diante do Reggina, lanterna do Calcio , os alvinegros empataram por 0 a 0 em casa no tempo normal e venceram por 8 a 7 nos pênaltis

Gazeta Esportiva

UDINE - Satisfeita com a surpreendente campanha da Udinese no Campeonato Italiano, a torcida da Udinese sofreu em excesso nesta quarta-feira em uma partida rara que garantiu o time nas quartas-de-final da Copa da Itália. Diante do Reggina, lanterna do Calcio , os alvinegros empataram por 0 a 0 em casa no tempo normal e venceram por 8 a 7 nos pênaltis em sua décima cobrança.

Os problemas para os mandantes foram acumulados ao longo do confronto e começaram a se tornar graves para a equipe de Udine no segundo tempo. Aos 41 minutos do segundo tempo, os donos do Estádio Comunale Friuli perderam o goleiro Emanuel Belari, expulso ao fazer pênalti.

O lance parecia ter liquidado as chances do clube preto e branco, mas o meio-campista islandês Emil Hallfredsson desperdiçou o pênalti e a chance de classificar sua equipe. Na prorrogação, os visitantes não conseguiram se aproveitar da vantagem numérica e o placar não foi alterado mesmo após o segundo cartão vermelho ao Udinese, desta vez mostrado ao atacante Quagliarella aos 13 minutos do segundo tempo extra.

Com esta superação, os alvinegros ainda sofreram nos pênaltis. Cada oponente teve que realizar dez cobranças até que o resultado por 8 a 7 favorável aos mandantes fosse definido. E causar alívio aos poucos torcedores que assistiram à partida no estádio.

Após o confronto incomum, os dois adversários voltam suas atenções para o Campeonato Italiano no final de semana. Mas não vão se esquecer. Udinese e Reggina protagonizarão novo duelo entre si, desta vez pela Liga Nacional, no domingo. No Calcio, os alvinegros, que jogam em casa novamente, estão em quinto lugar com 21 pontos, enquanto o oponente é o último colocado com apenas cinco pontos somados em 11 jogos.


Leia mais sobre:



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo