iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

11/11 - 14:03

Muricy acha que discurso de Luxa pode ser estratégia
O são-paulino Muricy Ramalho não acredita na desistência do rival na luta pelo título brasileiro

Gazeta Esportiva

SÃO PAULO - A derrota em casa para o Grêmio na rodada passada fez o técnico palmeirense Wanderley Luxemburgo admitir que o título ficou distante de seu time e que o pensamento passou a ser a vaga na próxima Copa Libertadores. No entanto, o são-paulino Muricy Ramalho não acredita na desistência do rival e acha que o discurso pode ser uma estratégia do comandante adversário.

“Às vezes, isso pode ser estratégia para tirar um pouco a pressão dos jogadores. O discurso dele é natural, ainda mais depois de uma derrota. Mas, internamente, sabemos que o pensamento é o título”, afirmou.

Restando quatro rodadas para o término do Brasileirão, o São Paulo ocupa a liderança isolada, com 65 pontos, enquanto o segundo colocado, Grêmio, tem dois a menos. Já o Palmeiras, que chegou a ficar a apenas um ponto do líder, despencou para o quarto lugar, com 61, mesmo número do terceiro Cruzeiro. Ainda no sonho do título também aparece o Flamengo, com 60

“Não dá para descartar ninguém. Na semana passada, era o Palmeiras perto de nós, agora é o Grêmio e na próxima não sabemos o que acontecerá. A única coisa que mudou é que o segundo colocado estava um ponto atrás e agora está há dois. Não está definido nada, está aberto”, ponderou.


Leia mais sobre:



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo