iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

11/11 - 14:48

FA cobra explicações de técnico que chamou juiz de 'Mickey'
Joe Kinnear, do Newcastle, corre risco de ser punido por declaração polêmica sobre o árbitro Martin Atkinson

Trivela.com

NEWCASTLE (Inglaterra) - Joe Kinnear terá que se explicar à federação inglesa (FA) por suas críticas ao juiz da partida entre Newcastle e Fulham, neste domingo, pela Premier League. O treinador interino dos Magpies corre o risco de ser suspenso por chamar o árbitro Martin Atkinson de “Mickey Mouse”.

Ele reclamou do lance que deu origem ao gol da vitória do Fulham por 2 a 1. Johnson, dos Cottagers, teria cometido falta em cima do zagueiro Cláudio Caçapa. Instantes depois, Coloccini derrubou o mesmo Johnson dentro da área. Murphy cobrou e converteu o pênalti.

“Houve uma falta gritante a nosso favor, ignorada pelo juiz, logo antes do pênalti. Nós temos um Mickey Mouse em campo; um árbitro que não faz nada”, reclamou Kinnear depois do jogo.

“Tem sido uma decepção testemunhar vários incidentes recentes com treinadores que criticam publicamente os juízes”, lamentou Jonathan Hall, diretor da federação. Nesta temporada, a FA lançou uma campanha exatamente para valorizar o trabalho dos juízes e tratá-los com maior respeito.

No mês passado, Kinnear já havia se envolvido em outra polêmica com a arbitragem. Ele reclamou da decisão do juiz Rob Styles de expulsar Habib Beye durante a partida contra o Manchester City. O treinador corre o risco de ser suspenso ou receber uma multa por suas declarações.

 

Leia mais sobre:



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo