iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

10/11 - 20:07, atualizada às 11:16 11/11

Avaí recebe Brasiliense de olho no retorno à elite após 30 anos

Se vencer, equipe catarinense garante a sua volta para a primeira divisão do Brasileiro

Gazeta Esportiva


FLORIANÓPOLIS - O grande momento chegou para o Avaí. Nesta terça-feira, o time catarinense abre as portas do Estádio da Ressacada para receber o Brasiliense e, se possível, comemorar o retorno à primeira divisão do Campeonato Brasileiro depois de três décadas.

O jogo decisivo para o Leão, válido pela 35ª rodada da Série B, tem início às 19h30 (de Brasília). Em caso de vitória dos donos da casa, a festa não tem hora para acabar.

Vice-líder da tabela da Segundona, o Avaí aparece atualmente com 64 pontos. Se somar outros três nesta terça, o time comandado pelo técnico Silas chegaria a 67 e não seria mais ultrapassado por Barueri, com 54. E o time paulista terá um adversário mais do que complicado também nesta terça, mas às 20h30: o Vila Nova, quarto colocado, no Estádio Serra Dourada.

O Leão da Ressacada pode conseguir seu primeiro acesso à elite desde 1979 em caso de empate, mas para isso teria que torcer por uma combinação de resultados: o Barueri não poderia vencer o Vila Nova e o Bragantino teria que, no máximo, empatar com o América-RN em Natal.

Mas Silas não pensa em outro resultado que não seja a vitória em Florianópolis. 'Vamos tentar ganhar esse jogo e definir a classificação. Tudo fica mais difícil na hora de concluir, e ainda mais da maneira como queremos. Mas nossos jogadores estão conscientes do nosso objetivo', garantiu o treinador avaiano.

O time catarinense terá, no entanto, dois desfalques para o jogo decisivo na Ressacada: o zagueiro André Turatto e o meia Marquinhos, ambos suspensos. O defensor recebeu o terceiro cartão amarelo no empate por 2 a 2 com o CRB em Maceió no último sábado, enquanto o camisa 10 foi expulso nos minutos finais.

Os substitutos ainda não foram definidos por Silas. Na zaga, Rafael é o reserva imediato para formar a dupla com o irmão gêmeo Cássio, mas terá que convencer o técnico que está mais bem preparado do que o concorrente Fabrício.

No meio a disputa é mais acirrada: Juliano é o jogador cujas características mais se assemelham às de Marquinhos e sai na frente na briga. Mas Odair e Joélson também foram lembrados por Silas como possíveis substitutos do meia.

Enquanto o Avaí sonha com o acesso, o Brasiliense não tem mais aspiração alguma nesta edição da Série B. O Jacaré é apenas o 12º colocado da tabela de classificação, com 43 pontos conquistados e uma vantagem boa sobre a zona de rebaixamento: o Criciúma, 17º, aparece com sete pontos a menos do que os representantes da capital federal.

O técnico Reinaldo Guedini não terá em campo o meia Iranildo, machucado, e que deverá ser substituído por Bidu. Na lateral direita, Patrick vem reclamando de dores musculares e pode ceder a posição para Paulo Ricardo.

FICHA TÉCNICA
AVAÍ X BRASILIENSE

Local:
Estádio da Ressacada, em Florianópolis (SC)
Data: 11 de novembro de 2008, terça-feira
Horário: 19h30 (de Brasília)
Árbitro: Heber Roberto Lopes (Fifa-PR)
Assistentes: José Amilton Pontarolo e Ivan Carlos Bohn (ambos de PR)
AVAÍ: Eduardo Martini; Arlindo Maracanã, Rafael (Fabrício), Cássio e Jef Silva; Marcus Winícius, Batista, Juliano (Odair) e Válber; Evando e William
Técnico: Silas

BRASILIENSE: Guto; Patrick (Paulo Ricardo), Fábio Braz, Ailson e Edinho; Coquinho, Juninho, Bidu e Adrianinho; Diogo e Jóbson
Técnico: Reinaldo Guedini


Leia mais sobre: Avaí Brasiliense Série B



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Gazeta Press

Depois de 30 anos
Leão da Ressacada pode comemorar em casa a sua volta à primeira divisão do futebol brasileiro

Topo