iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

09/11 - 20:20

Victor: 'fomos o Grêmio do primeiro turno'
“Quando você tem uma queda de rendimento, é normal a cobrança, mas o Grêmio não está aí a toa", disse

Gazeta Esportiva

SÃO PAULO - O Grêmio conseguiu mais uma reviravolta no Campeonato Brasileiro neste domingo e, depois de empatar em 1 a 1 com o Figueirense dentro de casa, derrubou o Palmeiras dentro do Palestra Itália, com vitória por 1 a 0. Para o goleiro Victor, o mérito pelo resultado é o fato de o time voltar a atuar como no primeiro turno, quando chegou à liderança da competição, permanecendo por 13 rodadas.

“Quando você tem uma queda de rendimento, é normal a cobrança, mas o Grêmio não está aí a toa. Hoje fomos o Grêmio do primeiro turno, um time que usou a velocidade e a marcação forte. Ganhamos confiança com essa vitória fora de casa”, elogiou o goleiro, satisfeito.

A atitude do time foi o diferencial apontado também pelo volante William Magrão, que ajudou na marcação que impediu os avanços alviverdes durante todo o confronto. Para ele, a força de vontade foi a força motriz do tricolor gaúcho no Palestra Itália, neste domingo.

“Sabíamos que o fator torcida iria ajudar eles, então tivemos a vontade de vencer. Se fossemos só ficar defendendo, uma hora ia estourar lá trás. Fomos de igual para igual”, explicou o volante, mais confiante com as chances de levar o título nacional para o Olímpico.

“Nunca saímos da briga (pelo título) e o nosso foco era vencer, senão o São Paulo a abrir muito na liderança. Hoje a vontade e a garra prevaleceram. O campeonato ainda tem quatro rodadas e tudo pode acontecer”, completou William Magrão.


Leia mais sobre: Victor Grêmio

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias