iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

09/11 - 13:18

Muricy nega "pinta" de campeão, mas aposta na experiência

Experiente, o treinador não quis dar armas aos seus principais adversários e manteve os pés no chão

Gazeta Esportiva

SÃO PAULO - O gol marcado por Zé Luis aos 43 minutos da etapa final e a sorte que “assoprou” a bola de Edno de encontro ao travessão de Rogério Ceni nos acréscimos do clássico que terminou com a vitória são-paulina por 3 a 2 sobre a Portuguesa, sábado à noite, no Canindé, deixaram o time do Morumbi mais perto da conquista do hexacampeonato nacional, agora com 65 pontos, quatro a mais que o Palmeiras, que entra em campo neste domingo. Terminado o emocionante duelo, o técnico Muricy Ramalho não teve como escapar da inevitável pergunta: “O São Paulo está com pinta de campeão?”. Experiente, o treinador não quis dar armas aos seus principais adversários e manteve os pés no chão.

“O time tem experiência na competição e cresceu na hora certa, mas não serei oportunista em falar que projetamos crescer nesse momento. O que aconteceu foi que nós nos ajustamos depois do fim da janela (de transferências para o exterior). Foi isso”, opinou Muricy, que perdeu somente o zagueiro Alex Silva para o Hamburgo, da Alemanha.

O técnico são-paulino admitiu, no entanto, que seu time pode levar vantagem nas quatro rodadas que faltam por ter em seu elenco jogadores acostumados a momentos de decisão. “Nosso time é experiente e tem dado sempre um pouco a mais em campo. Isso tem feito a diferença a nosso favor”.

Ovacionado pela torcida na saída do gramado do Canindé, Muricy manteve o semblante sério e dividiu os méritos da boa fase com os jogadores. “A torcida do São Paulo sabe que sempre me dedico ao máximo e que não larguei o time mesmo quando estávamos 12 pontos atrás”, lembrou.

“Eu não desisto nunca e sempre trabalho sério. Nas situações difíceis, dou um pouco mais, mas a comissão técnica tem apenas 25% do mérito nas vitórias. Quem faz a diferença são os jogadores”, concluiu.

Estevam discorda: Se Muricy rejeitou a 'pinta' de campeão para o São Paulo, o técnico Estevam Soares, derrotado no clássico de sábado, mostrou opinião contrária.

Para o comandante da Lusa, será muito difícil alguma equipe superar o Tricolor na reta final do Brasileirão. 'O São Paulo tem todos os méritos, pois lutou muito. Vai ser difícil eles perderem pontos nessa maré', apostou, colocando o São Paulo como principal favorito ao caneco.

Leia mais sobre:



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo