iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

08/11 - 21:35

Ainda na briga, Cruzeiro quer fazer sua parte ante o Fluminense

Raposa precisa vencer em casa para continuar na cola dos três primeiros colocados na tabela do Brasileirão

Gazeta Esportiva

BELO HORIZONTE - Com objetivos distintos nesta reta final do Campeonato Brasileiro, Fluminense e Cruzeiro fazem um confronto decisivo para as duas pontas da tabela neste domingo, às 17 horas (de Brasília), no Mineirão. Com 58 pontos, na quarta posição, a Raposa ainda sonha com o título e vai precisar se recuperar da derrota por 3 a 0 sofrida para o Goiás.

Já o Tricolor, embalado pela vitória por 1 a 0 sobre o Figueirense, quer se distanciar de vez da zona de rebaixamento, uma vez que, com 37 pontos, ainda corre risco.

René Simões, técnico do Fluminense, tem procurado passar para seus jogadores o que poderá representar para o time um triunfo em Belo Horizonte. Para o comandante do Tricolor, o duelo deste domingo pode definir a permanência dos cariocas na elite do futebol nacional.

”Logicamente que, se perdermos, a nossa situação piora, mas não será desesperadora. Porém, se analisarmos o que o triunfo pode nos dar, vale muito lutar por ele. Se vencermos, vamos chegar a uma condição maravilhosa na luta contra o rebaixamento, necessitando de quatro pontos em quatro jogos, sendo dois no Rio de Janeiro. Fora isso, vencer um time como o Cruzeiro, que está lutando pelo título, vai encher todos de moral”, afirma René.

Os jogadores do Fluminense também olham a partida deste domingo como a chance de viverem dias mais tranqüilos, principalmente porque o triunfo pode representar o passaporte para planos mais ousados ainda nesta temporada.

”Estamos dois pontos acima da zona de rebaixamento, mas a nossa distância para a Copa Sul-americana não é nenhum abismo. Se vencermos nossos jogos em casa, nos livramos da queda. Porém, se aliarmos a isso pontos como visitantes, teremos como nos classificarmos. Temos que focar nisso para conseguirmos um grande resultado contra o Cruzeiro”, aconselha o zagueiro Thiago Silva.

Para esta partida, René não poderá contar com o lateral-esquerdo Júnior César, que recebeu o terceiro cartão amarelo contra o Figueirense e vai ter que cumprir suspensão. Apesar de o treinador fazer mistério, a tendência é que Uendel seja o substituto.

Já Adilson Batista conseguiu manter o mistério na escalação, que é uma de suas marcas. Na defesa, Espinoza não atravessa boa fase e pode ser substituído por Léo Fortunato, que vem demonstrando firmeza. Com o meio-campo completo, Fernandinho pode voltar à lateral esquerda, mas terá de vencer a disputa com Carlinhos. No ataque, Thiago Ribeiro sentiu dores na coxa durante a semana e é dúvida.

Para os jogadores, pouco importa a escalação, desde que o time tenha a postura necessária para lutar por seus objetivos. “Restam cinco jogos, temos três dentro de casa. Sabemos que temos um aproveitamento bastante bom jogando no Mineirão. Temos que pensar em vencer esses três jogos e buscar pelo menos um empate e uma vitória fora ou, quem sabe, duas vitórias”, avalia Marquinhos Paraná, o ‘coringa’ cruzeirense, que joga como volante no domingo.

Outro que demonstra o foco nas vitórias é Thiago Heleno. Para o zagueiro, o Cruzeiro deve, primeiro, vencer suas partidas para, depois, fazer as contas na tabela na corrida pelo título. “Claro que a gente vai fazer o nosso trabalho e esquecer o time do São Paulo, do Grêmio, do Palmeiras”, assegura.

Com o Brasileirão tão perto do fim, os atletas celestes estão conscientes de que não podem mais dar colheres de chá ao São Paulo e, por isto, têm que passar pelo Fluminense. “Se não vencermos, o líder poderá abrir sete pontos e ficará quase impossível. Por isso, é mais uma vez o jogo da nossa vida”, admite Wagner.

A seu favor, a equipe mineira conta com excelente retrospecto contra os times cariocas na temporada. No Rio de Janeiro, a Raposa perdeu apenas para o Botafogo, passando pelos outros três. No Mineirão, foram duas vitórias de 1 a 0, sobre Vasco e Botafogo. Além do jogo deste domingo, contra o Fluminense, o Cruzeiro ainda recebe o Flamengo, na 36ª rodada.

FICHA TÉCNICA
CRUZEIRO x FLUMINENSE


Local: Estádio do Mineirão, em Belo Horizonte (MG)
Data: 9 de novembro de 2008, domingo
Horário: 17 horas (de Brasília)
Árbitro: Leonardo Gaciba (Fifa-RS)
Assistentes: Milton Otaviano dos Santos (Fifa-RN) e José Chaves Filho (RS)

CRUZEIRO: Fábio; Jonathan, Thiago Heleno, Espinoza (Léo Fortunato) e Carlinhos (Fernandinho); Henrique, Marquinhos Paraná, Ramires e Wagner; Jajá (Thiago Ribeiro) e Guilherme
Técnico: Adílson Batista

FLUMINENSE: Fernando Henrique, Carlinhos, Thiago Silva, Luiz Alberto e Uendel; Fabinho, Wellington Monteiro, Arouca e Darío Conca; Everton Santos e Washington
Técnico: René Simões


Leia mais sobre:



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo