iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

07/11 - 18:13

Frustrado pela volta ao banco, Édson pode até deixar o Galo

Após saber que Juninho voltará à equipe titular, goleiro considera uma saída, nem que seja por empréstimo

Gazeta Esportiva

BELO HORIZONTE - Com a boa atuação que mostrou diante do Botafogo, o goleiro Édson acreditou que poderia retomar a condição de titular do Atlético-MG. Afinal, Juninho não atravessa boa fase. Contudo, o antigo titular está de volta à posição, já que sua ausência não tinha sido por deficiência técnica, e sim por suspensão.

A decisão do técnico Marcelo Oliveira frustrou Édson, que pensa seriamente sobre seu futuro no clube, considerando uma saída, nem que seja por empréstimo. “Talvez, seja a solução melhor sair um ano. Aqui não tenho que provar mais nada para ninguém. Todo mundo sabe do meu potencial. Têm certas pessoas que ainda desconfiam do meu trabalho. Vamos esperar o ano acabar, ir para casa descansar. Ano que vem a gente vê o que faz”, desabafou.

O goleiro fez ainda questão de salientar que a disputa ferrenha pela posição não traz problemas de relacionamento no grupo. “Não tem nada de rixa entre nós dois. Amigos não somos, somos colegas. Temos um respeito muito grande um pelo outro”, afirmou Édson, mostrando que tudo é uma questão de profissionalismo.

Publicamente, o técnico Marcelo Oliveira não deu muita importância às reclamações de Édson, mas, de modo indireto, sugeriu paciência ao goleiro. “Fiz a opção que achei mais coerente, no momento. O jogador brasileiro ainda tem uma dificuldade em relação à titularidade e à suplência. Por isso mesmo, quando vão para a Europa, alguns retornam rapidamente”, argumentou.

Leia mais sobre: Édson Atlético-MG



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo