iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

06/11 - 14:53

Para Mário Sérgio, não é hora de achar culpados
Na próxima rodada, os catarinenses terão um confronto direto na luta contra a degola, com o Atlético-PR

 

Gazeta Esportiva

FLORIANÓPOLIS - Depois da derrota por 1 a 0 para o Fluminense, na continuação do jogo que foi interrompido quinta-feira passada devido a um apagão no Orlando Scarpelli, o técnico Mário Sérgio afirmou que não é a hora para se desesperar. Com o revés, o Figueirense continuou na zona do rebaixamento e agora ocupa o 18º lugar com 35 pontos.

“Não adianta a gente chorar, espernear e tentar achar culpado. Temos que nos mobilizar e traçar um objetivo. O futebol é assim, eu só posso reclamar dos (primeiros) 16 minutos contra o Fluminense (na quinta-feira passada). Mas dos outros jogos, eu não posso falar nada. Nada está perdido, temos que fazer 15 pontos”, afirmou o treinador após a partida.

Na próxima rodada, os catarinenses terão um confronto direto na luta para sair da zona do rebaixamento. O Figueira recebe o Atlético-PR no Orlando Scarpelli neste sábado.

No entanto, até a data da partida, o elenco segue hospedado em Águas Mornas, em um regime de concentração total. “Não tem internet, não pega celular e a televisão tem quatro canais. O cara só tem que comer, treinar e descansar”, declarou Mário Sérgio.


Leia mais sobre:



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo