iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

06/11 - 14:23

Cuca não descarta retorno ao Botafogo
Segundo boatos, Manoel Renha do departamento de futebol, não descarta a volta do técnico Cuca no clube

 

Gazeta Esportiva

RIO DE JANEIRO - Passada a eliminação para o Estudiantes, que veio com um empate por 2 a 2 na noite de quarta-feira no Engenhão, o Botafogo praticamente encerrou a temporada de 2008, já que cumpre tabela no Campeonato Brasileiro, torneio no qual tem chances reduzidas de garantir vaga na Libertadores e precisa de apenas mais dois pontos para garantir matematicamente a vaga na próxima Copa Sul-Americana. Com isso, o planejamento para a próxima temporada começará a ser traçado a partir da próxima semana, quando o presidente Bebeto de Freitas vai se reunir com Maurício Assumpção, que será confirmado como seu sucessor na eleição de 27 de novembro, uma vez que é candidato único.

A prioridade da diretoria é definir o nome do treinador para a próxima temporada. Boa parte dos dirigentes prefere a renovação de contrato de Ney Franco, que se encerra no fim do mês. Só que com Manoel Renha sendo o homem-forte do departamento de futebol não está descartada a volta do técnico Cuca, atualmente sem clube. O próprio Cuca não descartou essa possibilidade.

”Eu acho o Manoel Renha uma pessoa com grande credibilidade, que precisa estar no futebol porque faz orçamento e cumpre. Tenho certeza de que ele vai fazer muito pelo Botafogo, principalmente após uma eleição com chapa única. Acredito que o Botafogo vai ser muito forte no próximo ano se conseguir resolver algumas pendências, como esses atrasos, que nunca são bons. Se o Ney puder ficar será ótimo, pois é um treinador que se apostarem nele pode dar muitas alegrias aos torcedores. Mas eu sou um profissional e estou disponível no mercado”, disse Cuca, em entrevista à Rádio Brasil.

Ney Franco sempre deu entrevistas dizendo que uma renovação de contrato com o Botafogo não seria muito complicada de ser assinada. Porém, o salário do treinador é considerado alto por parte da cúpula botafoguense. Além disso, o treinador teria se desgastado muito com a questão salarial, já que os atrasos estariam mexendo com o grupo.

Além do nome do novo treinador, o Botafogo estuda a renovação de contrato dos principais atletas com contrato por se encerrar. A prioridade é o meia Lucio Flavio, que vem sendo assediado por Santos, Cruzeiro e Palmeiras, mas que dá preferência ao Botafogo. A amizade do jogador com Manoel Renha pode pesar favoravelmente ao Alvinegro carioca.

”Existem sim algumas sondagens de outros clubes e isso muito se deve ao fato de o Botafogo ainda não ter chegado a um acordo comigo para a renovação de contrato. Mas não escondo de ninguém que gosto muito do clube e que minha prioridade é o Botafogo”, afirmou Lucio Flavio quando questionado sobre o tema.

Ficam sem contrato a partir de 31 de dezembro os zagueiros Renato Silva e André Luis e os laterais Alessandro, Triguinho e Thiaguinho. Desses, Renato Silva, Thiaguinho e Alessandro deverão ser procurados. A situação de André Luis será avaliada por causa de sua atitude contra o Estudiantes, quanto tirou o cartão amarelo da mão do árbitro e foi expulso.

O jogador já tinha protagonizado cenas de vandalismo em Recife, após ser expulso contra o Náutico. Triguinho também vive um quadro de indefinição. Isso porque alguns dirigentes não gostaram de entrevistas do atleta comentando os atrasos salariais.

Mas não são apenas os jogadores com contrato por se encerrar que podem sair. O volante Túlio e o atacante Jorge Henrique teriam propostas do Corinthians Uma troca de jogadores ou até mesmo composição financeira pode facilitar o acerto. O volante Diguinho já disse que se receber boa proposta do exterior vai sair, enquanto o meia Carlos Alberto, longe de uma unanimidade, terá o caso reavaliado.


Leia mais sobre:



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo