iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

05/11 - 21:47

Fluminense confirma vitória sobre o Figueira e respira

Dando sequência ao jogo interrompido na semana passada, times tiveram de lidar com gramado encharcado

Gazeta Esportiva

FLORIANÓPOLIS - Na continuação da partida que havia sido interrompida na última quinta-feira, o Fluminense soube segurar a vantagem que já havia conseguido e derrotou o Figueirense por 1 a 0, na noite desta quarta, no Estádio Orlando Scarpelli. O resultado ajudou o Tricolor a pular da zona do rebaixamento no Campeonato Brasileiro para a décima quarta colocação, com 37 pontos.

Já os catarinenses, com 35, seguem entre os quatro últimos. O único gol da partida foi anotado por Arouca, ainda antes da paralisação. No domingo, o Fluminense desafia o Cruzeiro no Mineirão. Um dia antes, o Figueira recebe o Atlético-PR, em um duelo direto contra a degola.

Se o jogo da última semana havia parado por falta de energia elétrica, o jogo nesta quarta-feira começou debaixo de um grande temporal. O gramado encharcado não impediu, no entanto, que o Figueirense fosse para cima, buscando o empate. Aos 20 minutos, Fernando Henrique teve dificuldades para defender a finalização de Anderson Luiz, mas conseguiu salvar o Fluminense. O goleiro voltou a aparecer bem aos 25 minutos, desta vez em chute de Bruno Santos.

Nervoso no banco de reservas, o técnico René Simões pedia que o Fluminense não insistisse no toque de bola, já que o gramado não permitia que ela rolasse. Um dos que mais sofria com as condições precárias era o meia Darío Conca, acostumado a jogadas de habilidade. O Figueirense seguia melhor em campo.

Aos 31, Marquinho cruzou da esquerda, mas o zagueiro tricolor Thiago Silva apareceu e conseguiu cortar a bola, que já havia passado por Fernando Henrique e chegava livre para Tadeu. Antes do intervalo, o time catarinense ainda ameaçou em um chute de longe de Gomes, que passou à esquerda do goleiro tricolor.

Vendo a dificuldade de seu time em se defender, René Simões voltou para o segundo tempo com o zagueiro Edcarlos no lugar do meia Darío Conca. A modificação, no entanto, não mudou o panorama da partida e o Figueira seguia na pressão. Aos cinco minutos, Fernando Henrique evitou o gol de Marquinho.

A partir dos 15 minutos, o Fluminense equilibrou as ações e passou a atacar também. Em um destes lances, aos 13, Everton Santos fez jogada individual e mandou por cima do travessão de Wilson. Já o atacante Washington era figura nula dentro de campo. Quando o jogador apareceu aos 20 minutos, se complicou com a bola que sobrou para Júnior César quase marcar para os cariocas.

Já tendo feito as três substituições, o Figueirense se complicou quando o zagueiro Asprilla se machucou e teve que ficar em campo mesmo sem suas melhores condições físicas. Nos descontos, o Figueira chegou a marcar um gol, bem anulado por impedimento do ataque catarinense. Melhor para o Fluminense que saiu do Orlando Scarpelli com a vitória.

FICHA TÉCNICA (veja como foi o jogo lance a lance)
FIGUEIRENSE 0 X 1 FLUMINENSE

Local: Estádio Orlando Scarpelli, Florianópolis (SC)
Data: 5 de novembro de 2008, quarta-feira
Horário: 20h30 (horário de Brasília)
Árbitro: Wilson Luiz Seneme (SP)
Assistentes: Emerson Augusto de Carvalho (Fifa-SP) e Marcio Luiz Augusto (SP)

Cartões amarelos: Jackson, Bruno Santos, Bruno Perone (Figueirense); Darío Conca, Júnior César, Ygor, Fernando Henrique (Fluminense)

Gols: FLUMINENSE: Arouca, aos 12 minutos do 1º Tempo

FIGUEIRENSE: Wilson, Gomes, Asprilla e Bruno Perone; Diogo, William Matheus, Jackson (Anderson Luiz) (Lima), Cleiton Xavier e Marquinho; Tadeu e Ramón (Bruno Santos)
Técnico: Mário Sérgio

FLUMINENSE: Fernando Henrique, Carlinhos (Ygor), Thiago Silva, Luiz Alberto e Júnior César; Fabinho, Wellington Monteiro, Arouca e Darío Conca (Edcarlos); Everton Santos e Washington (Somália)
Técnico: René Simões  


Leia mais sobre: Fluminense Figueirense Campeonato Brasileiro

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Photocamera

arouca

A bola pouco rolou
Forte chuva em Florianópolis prejudicou a partida; melhor para o Flu, que saiu vencendo

Topo
Contador de notícias