iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

04/11 - 19:41

Roma quebra invencibilidade do Chelsea e embola grupo A

Italianos venceram por 3 a 1 em casa; no outro jogo da chave, Bordeaux bateu Cluj na Romênia e se mantém vivo

Gazeta Esportiva

ROMA (Itália) - Embalado pela goleada por 5 a 0 sobre o Sunderland, que o reconduziu a liderança do Campeonato Inglês, o Chelsea entrou em campo nesta terça-feira disposto a assegurar a classificação antecipada na Liga dos Campeões diante da Roma, em crise e ameaçada pelo rebaixamento no Italiano. No entanto, voltou da Itália com uma derrota por 3 a 1 na bagagem, resultado que acabou embolando a disputa no grupo A do torneio continental.

Com o resultado, o time de Luiz Felipe Scolari perde a invencibilidade na Champions, mas mantém a liderança da chave, com sete pontos, um a mais que o algoz desta tarde. O Bordeaux aparece em terceiro, também com seis, já que bateu o surpreendente Cluj por 2 a 1 na Romênia no outro jogo desta quarta rodada do grupo A. Os donos da casa permaneceram com quatro tentos e agora estão na lanterna.

O duelo entre Chelsea e Roma foi repleto de brasileiros: o goleiro Doni, o zagueiro Juan e o lateral Cicinho iniciaram na equipe titular de Luciano Spalletti, enquanto o luso-brasileiro Deco e o zagueiro Alex foram escalados por Felipão desde o início. Dos cinco, quem mais trabalhou no primeiro tempo foi Doni. Em 20 minutos de jogo, o ex-corintiano fez duas boas defesas, após chutes de fora da área desferidos por Deco e Terry.

Enquanto a Roma, mesmo diante de sua torcida no estádio Olímpico, parecia mais preocupada em se defender, os londrinos seguiram arriscando de longe. Aos 29, foi a vez de Lampard arriscar e obrigar o goleiro brasileiro a fazer outra boa intervenção. O castigo viria seis minutos depois, na primeira boa chegada dos anfitriões. De Rossi rolou para Cicinho, que cruzou rasteiro da direita. Panucci conseguiu se antecipar e desviou para as redes de Cech.

A equipe inglesa sentiu o gol e não conseguia mais ameaçar o gol de Doni. Felipão tentou melhorar as coisas no intervalo, promovendo a entrada de mais um brasileiro, Belletti, e do atacante Drogba. No entanto, logo aos dois minutos, Brighi rolou para Vucinic, que acertou um lindo chute no ângulo esquerdo, sem chances para Cech.

O atacante montenegrino voltaria a brilhar aos 12: após roubar a bola no meio-campo, Vucinic escapou da marcação e bateu colocado para marcar seu segundo no jogo decretar triunfo redentor dos donos da casa. Com a boa vantagem, o técnico Luciano Spalletti decidiu mexer no time, escalando inclusive os brasileiros Julio Baptista e Taddei. Já os ingleses tentaram esboçar uma reação, principalmente em jogadas aéreas. Aos 29, Deco, que seria expulso pouco antes do fim, desviou cruzamento da esquerda, Doni soltou e Terry não perdoou. A reação, contudo, parou por aí.

Bordeaux reage com gol brasileiro
Além da Roma, que afastou a crise em grande estilo, o Bordeaux também comemorou muito o resultado na capital italiana, já que fez a sua parte na Romênia diante do Cluj e entrou na briga por uma das vagas do grupo A nas oitavas-de-final da Liga dos Campeões.

Os franceses abriram o placar logo aos seis minutos de jogo, quando o atacante Gourcuff desviou cruzamento de Gouffran da direita e estufou as redes do goleiro Stancioiu. Nem deu tempo de comemorar. Aos nove, Koné cobrou falta da esquerda e o português Dani deixou tudo igual. O gol da vitória, porém, sairia ainda na etapa inicial, aos 38. O meia Wendel, ex-Santos, cobrou falta com perfeição e garantiu os três pontos para os visitantes.

Os quatro times do grupo A voltam a campo pela Copa dos Campeões no dia 26 de novembro, uma quarta-feira. Pressionado, o Chelsea de Felipão vai a Bordeaux tentar a recuperação diante dos donos da casa. No mesmo horário, só que na Romênia, a Roma tentará manter o embalo contra o Cluj.


Leia mais sobre: Roma Chelsea



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo