iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

04/11 - 10:51, atualizada às 12:20 04/11

Mourinho: "Se Adriano quiser, vai voltar"

Técnico da Inter de Milão garante que o brasileiro pode voltar a jogar pela equipe; empresário descarta retorno ao Brasil

Redação do iG Esporte com agências

MILÃO (Itália) - Convocado para a seleção brasileira, o atacante Adriano sequer foi relacionado para o próximo jogo da Inter de Milão, que enfrenta os cipriotas do Anorthosis nesta terça-feira pela Copa dos Campeões da Europa. No entanto, mesmo tendo cortado o brasileiro da delegação que viajou ao Chipre, o técnico José Mourinho não descarta a utilização do jogador nos próximos jogos pelo torneio.

“Se Adriano quiser, vai voltar”, afirmou Mourinho, segundo o jornal esportivo italiano La azzetta dello Sport. “Espero que ele ainda tenha uma oportunidade para fazer algo importante para nós na Liga dos Campeões. Amanhã (terça-feira), ele não estará entre os convocados. Mas temos mais dois jogos, e ele tem chances, se quiser”, acrescentou o português.

Os italianos ainda entram em campo pela primeira fase para enfrentar o Panathinaikos-GRE (dia 26, em Milão) e Werder Bremen-ALE (em 9 de dezembro, na Alemanha). E enquanto Mourinho promete dar uma nova chance ao Imperador, os demais jogadores da Inter se mostram otimistas com o possível retorno do companheiro carioca.

“Adriano ainda está fora da lista de relacionados? Bom, você precisa perguntar sobre isso para nosso técnico”, esquivou-se o meia Dejan Stankovic, desta vez ao site oficial do clube. “Ele tem se dedicado aos treinos. Estou convencido de que, mais cedo ou mais tarde, ele vai ter a sua chance”, completou o sérvio.

Empresário descarta volta ao Brasil
Enquanto Mourinho acena com a possibilidade de retorno de Adriano, o empresário do jogador, Gilmar Rinaldi, disse em entrevista às emissoras de televisão italianas Telelombardia e Antenna3 que o problema entre atleta e técnico já foi solucionado. "Está tudo resolvido entre os dois", disse Rinaldi. "Agora Adriano vai recuperar a forma e poderá voltar a estar à disposição", completou.

O atleta havia sido barrado pelo técnico português após chegar atrasado a um treino, há uma semana, e ficou de fora dos últimos jogos da Inter. Segundo a imprensa italiana, o jogador teria passado a noite anterior em uma boate.

Embora haja rumores de que a permanência de Adriano na Itália é incerta, Rinaldi negou a hipótese de que ele possa voltar ao Brasil em um novo empréstimo. "Não existe essa possibilidade, ele [Adriano] não disse nada", contou. No primeiro semestre deste ano, o Imperador foi emprestado ao São Paulo.

Segundo Rinaldi, as negociações para renovar o vínculo do atacante com a Inter ainda não começaram, mas o jogador quer seguir no clube e está muito feliz com a convocação para a seleção brasileira. Adriano foi chamado pelo técnico Dunga para o amistoso contra Portugal, marcado para o dia 19 de novembro em Brasília.

A Inter de Milão lidera o Grupo B da Liga dos Campeões da Europa, com sete pontos em três jogos. O Anorthosis, por sua vez, ocupa a segunda colocação da chave com quatro pontos, à frente de Werder Bremen (três) e Panathinaikos (um).


Leia mais sobre: Adriano Inter de Milão



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


AP

De volta aos gramados?
Depois de ser convocado por Dunga, Adriano pode ter novas chances na Inter com Mourinho

Topo