iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

04/11 - 18:51

Maradona convoca seleção argentina pedindo lealdade e identidade

"Quero que os jogadores estejam para trabalhar e que aceitem ordens da cabeça número um, que sou eu”

Gazeta Esportiva

BUENOS AIRES (Argentina) - O presidente da Associação de Futebol da Argentina (AFA) Júlio Grondona apresentou oficialmente, nesta terça-feira, o ex-jogador Diego Armando Maradona como novo técnico da seleção nacional. Ao lado do Pibe de Oro, Carlos Bilardo permanecerá, já confirmado como assistente técnico.

“É um sonho alcançado, mas este sonho tem que continuar com trabalho. Quando entrei no prédio (em que foi apresentado) senti o mesmo de quando era jogador de futebol. Enchi o peito. A única coisa que não estou é nervoso. Estou tranqüilo de poder fazer meu trabalho, de ter Carlos (Bilardo) ao lado, de ter o apoio de Júlio (Grondona)”, disse o argentino, de acordo com o diário Olé.

O ex-jogador, no entanto, ainda não definiu seu corpo técnico, que deveria ter sido anunciado também nesta terça-feira. Enquanto isso, o camisa 10 deixou claro o que será necessário para trabalhar com ele na nova comissão técnica da seleção argentina: “Lealdade absoluta. Que sejam de ferro. Que estejam para trabalhar e que aceitem ordens da cabeça número um, que sou eu”, disparou o novo treinador.

Ainda nesta terça-feira Diego Maradona anunciou sua primeira lista de convocados, para amistoso contra a Escócia, que acontece em 19 de novembro. Sem Messi e Riquelme, poupados, o ex-jogador optou por seu genro, Sérgo Aguero, além de Carlito Tevez e Javier Mascherano, a quem voltou a apontar como o capitão da esquadra.

“São as grandes seleções que fazem os jogadores. Não quero que minha equipe jogue como a seleção de 86. Quero que tenha identidade própria, sabendo que a única coisa que importa aqui é a camiseta”, opinou o camisa 10, mostrando o que espera de seus comandados.

Confira a primeira lista convocatória de Diego Maradona:

Goleiros: Juan Pablo Carrizo e Sergio Romero
Defensores: Nicolás Burdisso, Fabricio Coloccini, Martín Demichelis, Daniel Díaz, Gabriel Heinze e Javier Zanetti.
Meio-campos: Fernando Gago, Ángel Di María, Jonás Gutiérrez, Luis González, Javier Mascherano, José Sosa e Maximiliano Rodríguez.
Atacantes: Germán Denis, Carlos Tevez, Sergio Agüero, Lisandro López e Ezequiel Lavezzi.


Leia mais sobre: Maradona Argentina



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo