iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

04/11 - 13:21

Guiñazu retorna e pede concentração ao Internacional

Equipe do técnico Tite conseguiu vantagem de 2 a 0 no jogo de ida, quando Alex marcou duas vezes de fora da área

Gazeta Esportiva

PORTO ALEGRE - O Inter terá um reforço para enfrentar o Boca Juniors nesta quinta-feira pela Copa Sul-americana. Na partida de ida, no Beira-Rio, o time não pode contar com o volante argentino Guiñazu.

Agora, recuperado de uma luxação no cotovelo esquerdo, ‘Guiña’ estará em campo na partida de La Bombonera.

Esta será sua terceira partida após seu retorno aos gramados. A volta do jogador é celebrada não só por sua técnica, mas também por sua experiência – já que Guiñazu atuou diversas vezes no mítico estádio boquense. Para ele, o segredo para a conquista de um bom resultado está em se manter focado o tempo todo. “Minha dica é ter concentração. Não pode ficar um segundo olhando para o lado”, afirmou.

No primeiro confronto das quartas-de-final, os colorados venceram por 2 a 0, com dois gols de Alex. O placar deixa a situação relativamente confortável para os gaúchos, que podem perder por um gol de diferença ou até mesmo por dois, desde que também marquem gols. Apesar da vantagem Guiñazu ressalta a dificuldade que o time encontrará: “Temos que jogar à morte”, opinou.

Mesmo com o fato de a equipe argentina escalar time reserva, todos no Beira-Rio afirmam que todo o cuidado será pouco na quinta-feira. “Temos que competir muito durante todo o jogo. O Boca tem muita experiência”, falou Guiña, que lembrou as diversas conquistas do clube argentino nos últimos anos – casos da Copa Libertadores de 2000, 2001, 2003 e 2007.

Quem passar de Inter e Boca enfrentará o vencedor do confronto entre Chivas Guadalajara e River Plate. Os dois também jogam na quinta-feira no México. Na partida de ida, os mexicanos surpreenderam e venceram por 2 a 1.


Leia mais sobre:



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo