iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

04/11 - 11:06

Atlético de Madri vai ao TAS contra punição da Uefa

Clube ganhará o apoio de peso do ministro do interior espanhol e do secretário de esportes da região de Madri

Gazeta Esportiva

MADRI (Espanha) - Punido pela Uefa com uma multa de 150 mil euros e a perda de mando de um jogo por conta das confusões ocorridas em seu estádio após a vitória por 2 a 1 sobre o Olympique de Marselle, da França, no dia 1º de outubro, pela Liga dos Campeões da Europa, o Atlético de Madri anunciou, nesta terça-feira, que entrará com um recurso contra a pena junto ao Tribunal Arbitral do Esporte (TAS).

Segundo o diário espanhol Ás, a decisão do clube ganhará o apoio de peso do ministro do interior espanhol, Alfredo Perez Rubalcaba, e do secretário de esportes da região de Madri, Jaime Lissavetzky.

O clube precisa apresentar sua defesa até a próxima sexta-feira, já que a Uefa, que exige novas provas da equipe espanhola, pretende julgar o caso no sábado. A princípio, o Atlético terá que enfrentar o PSV Eindhoven no próximo dia 26 com os portões fechados para a torcida. O TAS deve anunciar no próximos dias se revoga ou não a punição da Uefa.

A decisão da entidade em punir o Atlético faz parte da política de tolerância zero adotada pelo presidente da Uefa, o ex-jogador Michel Platini. O antigo craque da seleção francesa não admite mais incidentes envolvendo racismo nos estádios europeus, como foi o caso ocorrido no Vicente Calderón.


Leia mais sobre: Atlético de Madri Uefa



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo