iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

03/11 - 10:10

Pivô de declarações de Ferguson, Heinze lamenta 'bobagens' ditas

Defensor conseguiu esconder a decepção pelo teor dos comentários

Gazeta Esportiva

MADRI (Espanha) - Os treinadores ingleses se envolveram em mais uma polêmica neste final de semana. E mais uma vez, quem conseguiu outro inimigo foi Alex Ferguson, treinador do Manchester United, que pode dar adeus às relações cordiais com o lateral argentino Gabriel Heinze, do Real Madrid.

Em entrevista dada à revista inglesa GQ, o treinador afirmou que o Real havia contratado o argentino apenas para não perder negócio em uma primeira investida a Cristiano Ronaldo. Segundo Ferguson, “quando vendemos Gabriel, sabíamos que isto ia acontecer. Eu sabia o que estava acontecendo. Acredito que eles não queriam Heinze, ainda que ele seja um bom jogador. O objetivo final era Ronaldo”.

Heinze, porém, não gostou das declarações dadas por Ferguson. Em entrevista à rádio Marca, da Espanha, o lateral argentino lamentou as “bobagens” ditas por seu ex-técnico, mas não conseguiu esconder a decepção pelo teor dos comentários.

“Sinto-me triste por ouvir coisas assim. Não sei se é verdade ou mentira, mas é certo que sinto pena quando alguém com a experiência de Ferguson é capaz de dizer tais bobagens. É compreensível quando essas coisas sejam ditas por um torcedor ou por um jogador, mas não é normal que alguém com tanta experiência faça isso”, disse Heinze.

O jogador, porém, tentou não se frustrar com os comentários. “Ferguson é uma pessoa que ganhou respeito dentro e fora de campo. E ver que uma pessoa com tantos títulos diga tais bobagens me provoca tristeza”, disse Heinze. “Além disso, pouco me importa o que possam dizer por aí. Para mim, o que importa é o que dizem meus companheiros.”

Por fim, o argentino comentou o suposto interesse de Real Madrid em Cristiano Ronaldo na ocasião, e deu seu apoio à permanência do português em seu clube. “Cristiano fez bem em não sair, e vejo que dificilmente sairá de Manchester”, opinou o lateral argentino.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias