iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

03/11 - 09:20

No Chelsea, Anelka pede chance para jogar ao lado de Drogba

Felipão tem apostado no atacante francês, que conseguiu marcar três gols na última vitória do Blues

Gazeta Esportiva

LONDRES (Inglaterra) - O marfinense Didier Drogba vem desfalcando o Chelsea há um mês, desde que se machucou no empate fora de casa por 0 a 0 contra os romenos do CFR Cluj, em jogo no dia 1º de outubro pela fase de grupos da Copa dos Campeões da Europa. Desde então, o técnico Luiz Felipe Scolari vem apostando no experiente Nicolas Anelka para fazer a função de atacante solitário do time londrino.

E surpreendentemente, nos seis jogos que disputou neste período, o Chelsea conseguiu cinco vitórias e apenas uma derrota, marcando 16 gols – nove deles do próprio Anelka – e sofrendo apenas um.

Autor de três gols na vitória por 5 a 0 deste final de semana sobre o Sunderland, o veterano francês já volta a sofrer com a concorrência de Drogba, que entrou no segundo tempo da partida. No entanto, a sombra do companheiro não incomoda Anelka, que pede para que Felipão coloque os Blues jogando com dois atacantes.

“Didier e eu podemos jogar juntos, mas ainda não fizemos isso desde que cheguei. Nunca começamos uma partida juntos no ataque. Se começamos juntos, então eu estava na direita ou na esquerda (do meio-campo)”, lamentou Anelka, que citou as posições nas quais foi utilizado como homem de aproximação ao ataque do esquema 4-5-1 do treinador brasileiro.

Otimista, o francês pediu para que Felipão dê um a chance ao 4-4-2. “É uma vergonha. Eu queria jogar com ele (Drogba) desde que assinei com o Chelsea. Espero que isso aconteça”, disse o atacante. “Acho que poderíamos trabalhar em dupla. Mas isso é uma escolha do treinador”, completou.

Em boa fase e jogando mais pela faixa central do campo (ao contrário de como era escalado por Avram Grant, que o colocava pelos flancos), Anelka espera aproveitar a boa fase. “O máximo que marquei em uma temporada foram 25 gols, com o Manchester City. Vou tentar fazer melhor que isso”, disse o francês. “Mas o que importa é que o Chelsea vença títulos”, completou.


Leia mais sobre:



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo