iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

30/10 - 04:10

Gol anulado do Botafogo gera polêmica no Engenhão
“O jogador estava na minha frente, não vi a bola e ele abriu a perna”, argumentou o goleiro Rogério Ceni

Gazeta Esportiva


RIO DE JANEIRO - Os jogadores de Botafogo e São Paulo deixaram o gramado do Engenhão com discursos distintos sobre o lance mais polêmico da partida. O gol anulado do meio-campista Lucas, nos minutos finais da partida, gerou controvérsias entre os dois lados.

O assistente apontou impedimento de Wellington Paulista no lance, mas o atleta alega que não participou da jogada.

“Sinceramente, não sei como foi o lance. (...) A bola nem passou perto de mim. Eu estava indo na bola, mas o Lucas chutou e eu nem cheguei perto dela”, afirmou o atacante, frustrado com a derrota por 2 a 1.

Wellington também afirma que o sentimento é de revolta no Botafogo, já que o time contava com os pontos em casa para continuar sonhando com a Libertadores do ano que vem. Veja o vídeo abaixo.

O lance em questão aconteceu logo depois de o São Paulo anotar seu segundo gol. O Botafogo, então, foi à frente e assustou os visitantes. Lucas chutou da entrada da área, a bola passou ao lado de Wellington Paulista e estufou as redes. O assistente anotou impedimento do atacante.

Apesar de Wellington não ter tocado na bola, o goleiro Rogério Ceni garante que o botafoguense o atrapalhou na jogada. “O jogador estava na minha frente, não vi a bola e ele abriu a perna”, explicou.


Leia mais sobre: São Paulo Botafogo Brasileirão



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Vipcomm

Polêmica no Brasileirão
São Paulo venceu por 2 a 1, mas Botafogo teve gol anulado no final do segundo tempo

Topo