iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

28/10 - 18:45

Maradona é confirmado como novo técnico da Argentina

Ex-craque já havia manifestado interesse em assumir cargo da seleção à qual ajudou a ser campeã mundial em 1986

EFE


BUENOS AIRES (Argentina) - O nome de Diego Maradona foi confirmado como novo técnico da seleção argentina pelo presidente da federação local, Julio Grondona. Não será a primeira experiência de Dieguito como treinador: nos anos 1990, ele teve breves passagens por Racing e pelo modesto Deportivo Mandiyú. (leia mais)

O ex-camisa 10 substituirá Alfio Basile, que pediu demissão recentemente. O maior jogador argentino de todos os tempos voltou nesta terça-feira a Buenos Aires, após viajar para a Geórgia, onde disputou um amistoso. No entanto, ele evitou falar com a imprensa no aeroporto de Ezeiza.

Grondona afirmou que defende a idéia de implantar um grupo de treinadores na seleção até o fim das Eliminatórias Sul-Americanas à Copa de 2010. A Argentina atualmente é a terceira colocada no torneio continental, com 16 pontos ganhos, um a menos que o Brasil e seis atrás do líder Paraguai.

Além de Maradona, deve fazer parte desta comissão Sergio Batista, que comandou a Argentina na conquista do ouro nos Jogos Olímpicos de Pequim. Como jogadores, Maradona e Batista foram campeões mundiais em 1986, atuando sob o comando de Carlos Bilardo, que também esteve no encontro que definiu a nomeação de Diego.

"Estou mais do bem. Estou satisfeito e muito tranqüilo", disse Maradona. Na reunião, ficou acertado que Bilardo será o diretor-geral da seleção, enquanto a preparação física ficará com Fernando Signorini - que já trabalhou como personal trainer de Maradona.

No início de março, o ex-craque chegou a afirmar que o futebol apresentado pela seleção o aborrecia. "Tenho que ser sincero. Digo isto com todo respeito. Temos um potencial muito mais rico do que demonstramos diante de equipes de segunda categoria", afirmou, na época, à rádio argentina La Red.

Curiosamente, o novo treinador terá como um dos principais destaques sob seu comando um parente bem próximo: Sérgio Kun Agüero, astro do Atlético de Madri, da Espanha, é casado com sua filha.

Craque polêmico
Diego Armando Maradona nasceu em Lanús no dia 30 de outubro de 1960. Além do título mundial em 1986, no México, o meia foi vice na Copa de 1990, na Itália. Maradona ainda brilhou com as camisas do Boca Juniors e do Napoli-ITA, quando formava dupla de ataque com o brasileiro Careca.

O craque teve uma carreira meteórica e polêmica, sobretudo pelo uso de drogas. O jogador foi revelado no Argentinos Juniors, de Buenos Aires, e estreou no profissional logo aos 15 anos de idade. Campeão mundial de juniores em 1979, o então camisa 10 despertou a atenção do Boca Juniors, que comprou parte de seu passe em 1981.

Depois de uma passagem rápida e sem muito sucesso pelo Barcelona, Maradona se destacou no futebol italiano. No entanto, a Federação de Futebol da Itália descobriu que ele consumiu cocaína antes de uma partida do calcio e o suspendeu por 15 meses. A Fifa estendeu a  punição mundialmente. Em 1994, foi suspenso novamente por uso de efedrina durante a Copa dos Estados Unidos. 

Leia também:


Leia mais sobre: Argentina Diego Maradona



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


AFP

Novo desafio
Cabe à Maradona fazer com que a seleção argentina volte a convencer dentro de campo

Topo