iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

27/10 - 21:19

Volante de origem, Wendel pode ficar com a vaga de Bida

Jogador assume condição de coringa e não se importa de atuar como lateral ou volante no Peixe

Gazeta Esportiva

SANTOS - A ausência do volante Bida, suspenso pelo terceiro cartão amarelo recebido na vitória sobre o Figueirense, no sábado, faz o técnico Márcio Fernandes buscar a melhor opção para a equipe que enfrenta o Sport, nesta quinta-feira, na Ilha do Retiro. A princípio, Pará é o mais cotado para assumir a vaga, mas o treinador santista tem outras opções. Uma delas é deslocar Wendel, volante de origem, que está atuando na lateral para o meio-campo.

O jogador, que conquistou o seu lugar no time como lateral-direito, não descarta a possibilidade de voltar a atuar no meio-campo. "Já estou acostumado a esse tipo de situação. Tanto é verdade que vocês (jornalistas) me chamam até de coringa. Foi assim no Palmeiras, tanto com o Caio Júnior quanto com o Vanderlei (Luxemburgo). Não vejo nenhum problema de jogar nestas posições, pois são bem parecidas", contou Wendel.

Com esta dúvida na cabeça, o técnico Márcio Fernandes deve esperar mais um pouco até definir o substituto de Bida. "Não sei se vou mexer na estrutura da equipe por causa disso. Estamos pensando no assunto e temos alguns dias ainda até o jogo. Vou usar esse tempo para analisar bem as nossas opções", contou Márcio Fernandes.

Para Wendel, esta indefinição se deve a qualidade de Bida, que veio por empréstimo do Vitória e se firmou como titular absoluto do Peixe durante a competição. "Ele é um jogador bastante técnico, que chega bem à frente. Tanto é verdade que ele fez o segundo gol (do Santos) contra o Figueirense. Ele fará falta ao nosso time, mas acredito que quem entrar nesta função vai corresponder as expectativas", concluiu.

Leia mais sobre: Wendel Santos



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo