iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

27/10 - 11:14

Maldini recebe prêmio na Itália antes da aposentadoria pelo Milan

Zagueiro recebeu distinção que homenageia atletas que promovem os valores humanos do futebol

EFE

MILÃO (Itália) - O veterano lateral e zagueiro Paolo Maldini, prestes a se aposentar com a camisa do Milan, recebeu hoje o prêmio Giacchinto Facchetti, entregue pelo jornal esportivo italiano "La Gazzetta dello Sport".

Esta foi a terceira edição do troféu criado em memória de Facchetti, ex-jogador da Inter nos anos 60 e que também foi presidente do clube. A distinção homenageia atletas que promovem os valores humanos do futebol.

O primeiro a ganhar o prêmio foi o atacante iraquiano Younes Mahmoud Khalef, representante da seleção de seu país que conquistou a inédita Copa da Ásia - comandada pelo brasileiro Jorvan Vieira.

Ano passado, o prêmio foi ao paraguaio Julio González, que teve o braço esquerdo amputado num acidente de carro e retornou aos gramados - hoje defende o Tacuary, de seu país.

Em declarações à "Gazzetta", Maldini disse que o prêmio significa "muito" para ele, comparando sua carreira à de Facchetti pela fidelidade a um clube e o estilo de jogo que desenvolveu.

"Ele era um símbolo da Inter e eu fiz toda a minha carreira no Milan, mas as semelhanças são muitas também pela trajetória na seleção. Gostava da calma de Facchetti, pouco comum no esporte. Ele foi o primeiro lateral ofensivo, o primeiro a encarar a posição de forma mais moderna", assinalou.

Maldini, de 40 anos, disse ainda que deixará os gramados ao final do ano, após 24 temporadas com a camisa do Milan. Ele negou que vá seguir a carreira de treinador, mas garantiu que surpreenderá com sua ocupação uma vez fora dos gramados.

Nascido no dia 26 de junho de 1968 em Milão, Paolo Maldini estreou entre os profissionais em 1985, curiosamente jogando de lateral-direito, e disputou mais de mil partidas na carreira.

Com o Milan, ele foi sete vezes campeão italiano e outras cinco da Liga dos Campeões, além de conquistar duas Copas Intercontinentais, cinco Supercopas da Europa, uma Copa da Itália, cinco Supercopas da Liga e um Mundial de Clubes da Fifa.

O jogador recebeu uma escultura de bronze e um cheque de 10.000 euros, que serão destinados a uma obra social a ser escolhida por ele.


Leia mais sobre:



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo