iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

27/10 - 11:44

Beckham admite que jogar com brasileiros influenciou escolha

Meia inglês deverá atuar com Ronaldinho Gaúcho, Kaká e outros a partir de janeiro de 2009 no Milan

EFE

CARSON (Estados Unidos) - O meia inglês David Beckham, do Los Angeles Galaxy, afirmou hoje que a presença de estrelas como os brasileiros Kaká e Ronaldinho Gaúcho no Milan é um dos motivos que o fizeram aceitar negociar a proposta de empréstimo à equipe italiana durante a pausa no Campeonato Americano.

"O Milan tem grandes jogadores, e posso aprender com a experiência de treinar e atuar com eles. Não quero dizer que já vou chegar como titular, mas se tiver a chance será uma experiência incrível", afirmou o meio-campo, ex-Manchester United e Real Madrid.

Além disso, Beckham alegou que vai para o Milan para ter condições de se manter em boa forma física durante a parada nas competições nos Estados Unidos, e não para impressionar o técnico da seleção inglesa, o italiano Fabio Capello.

"Para ser honesto, minha decisão de jogar na Europa agora é para não ficar tanto tempo parado, e não por pensar na seleção inglesa. Durante os últimos 20 anos meu corpo esteve programado para ter apenas três semanas e meia de férias no meio do ano, ao fim da temporada regular", diz o meia.

Diante disso, o meia citou o lateral-direito brasileiro Cafu como símbolo da grande qualidade das instalações e métodos de treinamento do Milan, que permitiram ao capitão da seleção campeã da Copa do Mundo de 2002 continuar por muito tempo nos gramados.

"Acho que poderia me beneficiar dessas instalações e métodos porque meu rendimento melhoraria. Lá eles não fazem concessões a ninguém, e quero participar dessa realidade", destacou Beckham.

No entanto, o inglês - que cumpriu seu segundo ano de contrato dos cinco que assinou com o Galaxy - lembrou que o acordo com o Milan ainda não estava fechado.

"Com relação ao Milan, as conversas estão mantidas, mas ainda não falei com ninguém. Tenho 95% de certeza de que vamos chegar a um acordo, mas ainda não é oficial", aposta o jogador de 33 anos.

No ano passado, Beckham aproveitou a parada, pelo mesmo motivo, para treinar no Arsenal. Em declarações após o empate em 2 a 2 entre o Galaxy e o FC Dallas, pelo Campeonato Americano, o meia admitiu que não se sente bem com tantos meses de intervalo até a volta das competições nos Estados Unidos e precisa se manter em atividade.

"Não fiquei feliz com a pausa no ano passado e fui treinar no Arsenal. Agora foi o Milan que me deu a oportunidade, por isso esse é meu plano. Tudo está pensado para me manter em forma e voltar ao Galaxy na próxima temporada", confirmou o meia.


Leia mais sobre: David Beckham Milan



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Getty Images

95% de certeza
Beckham está muito próximo de acerto para jogar com brasileiros do Milan

Topo