iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

25/10 - 20:52

Lamentações marcam o discurso dos colorados

Pior do que o empate e ver o seu objetivo ficar muito distante, foi o fato do Inter ter saído atrás no placar e ter conseguido a virada

Gazeta Esportiva

BELO HORIZONTE - O tropeço do Palmeiras foi bom para o Inter, mas o time de Tite não se ajudou. O Colorado não conseguiu passar sobre o Atlético-MG neste sábado, no Mineirão. O empate com o Galo por 2 a 2 deixou os gaúchos a oito pontos do G-4 e de uma vaga na Libertadores.

Pior do que o empate e ver o seu objetivo ficar muito distante, foi o fato do Inter ter saído atrás no placar e ter conseguido a virada. O resultado deixou os jogadores abatidos e inconformados com a situação.

“Estamos falhando muito fora de casa. Tivemos a atitude virar, mas teríamos que valorizar a virada. Saímos frustrados”, opinou Alex, autor do primeiro gol dos gaúchos no jogo.

Após uma primeira etapa ruim, os colorados voltaram bem no segundo tempo. Conseguiram marcar dois gols e assumir a ponta no placar. Porém, acabaram cedendo o empate. Nos minutos finais, Nilmar, marcou um gol bem anulado. Já Adriano, desperdiçou chance imperdoável ao chutar da risca da pequena área para fora.

“Fizemos o mais difícil que era virar, até criamos mais chances, mas eles empataram. Deixamos escapar mais uma vez”, reclamou Nilmar.

O Inter prossegue a sua má fase longe do Beira-Rio. Como visitante o time só conquistou duas vitórias. Para enfrentar o Náutico na próxima rodada, Tite contará com o retorno de Guiñazu. Porém, Alex será o desfalque, pois recebeu o terceiro cartão amarelo diante do Atlético-MG.

Leia mais sobre: Internacional Brasileirão



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo