iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

23/10 - 09:15

No discurso, Inter não irá priorizar a Sul-americana
“Nosso foco já está no Atlético-MG. Não vamos priorizar nada”, afirmou o presidente do clube, Vitório Piffero

Gazeta Esportiva

PORTO ALEGRE - Apesar das poucas chances de ainda conquistar uma vaga à Libertadores 2009, o discurso colorado segue o mesmo e todos dizem no Beira-Rio que o clube seguirá pensando jogo a jogo. Nem mesmo a vitória sobre o Boca Juniors por 2 a 0 pela Copa Sul-Americana modificou a metodologia vermelha.

O resultado conquistado diante da torcida pelas quartas-de-final da competição deixam o Inter com boas perspectivas de classificação. Caso avance à semifinal, os gaúchos enfrentarão o vencedor de River Plate e Chivas. Na primeira partida, em Buenos Aires, os mexicanos venceram por 2 a 1. Porém, todos negam que o confronto de volta em 6 de novembro na Bombonera tenha se tornado uma prioridade.

“Qualquer vantagem é considerável, mas nada está definido. Não projetamos a partida de volta. Vamos para outra decisão. É dormir feliz e acordar pronto para outra decisão”, comentou o técnico Tite.

A outra decisão referida pelo treinador é a partida de sábado diante do Atlético-MG pelo Campeonato Brasileiro. Comissão técnica e direção estão afinadas, já que o presidente Vitório Piffero é partidário das mesmas opiniões do técnico colorado.

“Nosso foco já está no Atlético-MG. Temos que vencer e melhorar nosso desempenho fora de casa. Não vamos priorizar nada”, afirmou o dirigente.

O Inter projeta conquistar em torno de 19 pontos nas últimas oito rodadas do Brasileirão. Nas internas do clube, acredita-se que este aproveitamento coloca o Colorado entre os quatro primeiros e com uma vaga na próxima Libertadores no ano do centenário da instituição.


Leia mais sobre:



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo