iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

23/10 - 14:35

Ney Franco fala em 'pseudocrise' no Botafogo

"Não tenho a menor dúvida de que o nosso grupo vai sair fortalecido disso tudo”, afirmou Ney Franco

Gazeta Esportiva

RIO DE JANEIRO - A derrota para o Estudiantes por 2 a 0 na partida de ida da Copa Sul-americana detonou uma crise no Botafogo, com o colaborador do futebol, Carlos Augusto Montenegro, apontando uma divisão no grupo alvinegro. Contudo, o técnico do time carioca, Ney Franco, não vê a situação desta maneira.

Para o treinador, não existe uma crise dentro do plantel e sim declarações fortes que foram dadas à imprensa, mas que em nada atrapalharão o time contra o Ipatinga.

“Trata-se de uma pseudocrise e neste momento muitas coisas irão sair na imprensa. Vou aproveitar esses dias antes da partida contra o Ipatinga para conversar com os atletas e mostrar que não podemos perder o foco. Não tenho a menor dúvida de que o nosso grupo vai sair fortalecido disso tudo”, afirmou Ney Franco.

Para a partida contra o Ipatinga, no próximo sábado, o time será definido somente no treino desta sexta-feira, marcado para o Engenhão e que não deverá contar com a presença dos torcedores.

Em seguida, a delegação botafoguense vai embarcar para a capital mineira. Fica a expectativa sobre o aproveitamento dos meias Lucio Flavio, que se recupera de um estiramento muscular na coxa esquerda, e Carlos Alberto, que estava com crise de apendicite.

Os dois, que foram acusados por Montenegro de causarem uma racha no grupo botafoguense, não viajaram para Buenos Aires e serão reavaliados. Não está descartada a possibilidade de Ney Franco barrar alguns atletas que não estão rendendo o esperado, como o goleiro Castillo e o atacante Wellington Paulista.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias