iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

23/10 - 13:36

Empréstimo de Beckham ao Milan já é dado como certo
Astro inglês, que pertence o Los Angeles Galaxy, deve atuar pela equipe italiana no primeiro semestre de 2009. Só o técnico do clube norte-americano é contra

Redação iG Esporte


Acordo Ortográfico SÃO PAULO – Tanto Adriano Galliani, vice-presidente do Milan, como o staff de David Beckham já dão como certo: o meio-campista inglês deve deixar a equipe do Los Angeles Galaxy, por empréstimo, para jogar por três ou quatro meses no time italiano, no começo de 2009.

"Acho que ele realmente chegará e jogará no Milan. Estamos falando com seu agente. Ele ficará aqui por alguns meses e depois voltará [para os EUA]. Beckham escolheu o Milan. Nosso time é muito competitivo e continuará assim, mas Beckham é algo de diferente e intrigante", afirmou Galliani.

Getty Images
Beckham: Los Angeles Galaxy pretende montar um time forte, e ele é peça fundamental

O jornal italiano La Gazzetta dello Sport desta quinta-feira também dá como certa a ida de Beckham ao clube milanês e cita fontes do staff do jogador para informar que "Beckham será milanista a partir do dia 1º de janeiro, para jogar o Campeonato Italiano e a Copa da Uefa".

De acordo com a publicação, a decisão do jogador de atuar pelo Milan, clube que quase o contratou já em 2007, estaria diretamente ligada à intenção de Beckham de disputar a Copa do Mundo de 2010, na África do Sul. Fabio Capello, técnico da seleção inglesa, teria aconselhado o inglês a jogar em um futebol competitivo como o italiano.

Diz o jornal que há um mês, antes de Croácia x Inglaterra, Beckham teria perguntado a Capello se, com o fim da Major League Soccer, teria chances de ser convocado para o amistoso contra a Espanha, em fevereiro. A resposta: "Se você não estiver jogando, não posso fazer nada".

E então o próprio Capello teria telefonado ao Milan para dar a idéia do empréstimo e dizer a Adriano que "Beckham é também um grande jogador, não só um caso de marketing". Consultado, o técnico milanista Carlo Ancelotti aceitou a chegada do jogador, também influenciado pela lesão do meio-campista Pirlo, titular absoluto do Milan.

Até aqui, as únicas frase pronunciadas contra o negócio foram do novo técnico do Los Angeles Galaxy — que pelo terceiro ano seguido ficará fora dos playoffs da MLS —, Bruce Arena. "O Galaxy tem a intenção de construir um grande time, e decisões deste tipo vão na direção oposta de nossa estratégia", afirmou ao tablóide inglês The Sun.

"Nossa posição não pode ser a de ceder um dos nosso melhores jogadores no começo de temporada", disse o técnico do Galaxy, cuja pré-temporada em 2009 começa em março. Ainda este ano, Beckham disputará três jogos pela equipe: domingo, contra o Dallas, em sua despedida da MLS, além de duas partidas amistosas na Nova Zelândia e Austrália, em dezembro.

Desde que chegou ao Los Angeles Galaxy para receber 30 milhões de dólares em cinco anos — recorde absoluto do futebol norte-americano —, Beckham não chegou a empolgar. Neste campeonato, marcou apenas 5 gols e fez nove assistências em 24 partidas disputadas.

Seu desempenho mediano em um futebol fraco como o norte-americano estaria ameaçando suas convocações para a seleção inglesa e, conseqüentemente, o distanciaria do recorde de Peter Shilton, que ele pretende superar: o disputar 125 jogos com a camisa do English Team — Beckham tem hoje 107.


Leia mais sobre: Beckham Milan Los Angeles Galaxy Fabio Capello MLS Seleção Inglesa

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


AP

beckham

Vontade de Copa
Desejo de disputar o Mundial de 2010 deve fazer Beckham passar "férias" jogando pelo Milan

Topo
Contador de notícias