iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

21/10 - 13:38

Mano recusa clima de decisão para jogo que pode garantir acesso

Técnico explica que duelo contra o Ceará pode, no máximo, ser simbólico, por causa da garantia matemática

Gazeta Esportiva

SÃO PAULO - O lateral-esquerdo André Santos demonstrou entusiasmo na reapresentação do Corinthians, segunda-feira. Disse que a expectativa para o jogo contra o Ceará, sábado, quando a equipe poderá garantir seu acesso à Série A, era a mesma de vésperas de finais. O técnico Mano Menezes discorda.

“Já jogamos muitas decisões na Série B deste ano. Consideramos todos os jogos importantes. O de agora pode ser somente simbólico”, minimizou o comandante. “Mas não há motivos para ansiedade. O que vai nos colocar de volta na Primeira Divisão é a campanha. Não adianta deixar tudo para a natureza decidir porque os adversários também podem contar com isso.”

Para confirmar o retorno à Primeira Divisão no sábado, além de vencer o Ceará o Corinthians depende de tropeços de Vila Nova contra a Ponte Preta ou do Barueri diante do Paraná. Os concorrentes pela quarta posição da Série B somam 51 pontos, contra 67 do líder Corinthians.

“Os outros jogos da rodada não nos dizem respeito. Vamos enfrentar uma equipe que ainda tem uma chance remota de classificação e sabemos que pontuar é difícil. Não podemos nos envolver com o restante”, direcionou Mano, que prioriza a classificação à Série A. “O mais importante é o acesso. O título poderá ser uma conseqüência depois de conseguirmos o objetivo principal”, concluiu.

A vantagem do Corinthians para o segundo colocado da Segunda Divisão também é confortável. O Avaí totaliza 56 pontos. “Em campeonatos anteriores, com a nossa campanha já teríamos ficado com a vaga na Série A ou mesmo com o título”, comparou Mano Menezes.

Leia mais sobre:



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo