iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

20/10 - 15:51

Zenit enfrenta BATE Borisov pela Liga e só pode pensar na vitória
Equipe russa ainda não pontuou na competição, após perder para o Real Madrid e para a Juventus

EFE

MOSCOU (Rússia) - O Zenit enfrenta nesta terça às 14h30 (horário de Brasília) o BATE Borisov (Belarus) sabendo que apenas uma vitória o mantém na disputa por uma vaga do grupo H para as oitavas-de-final da Liga dos Campões.

Embora esteja apresentado bom futebol, a equipe russa ainda não pontuou na competição, após perder para o Real Madrid por 2 a 1 e para a Juventus por 1 a 0.

Se na principal competição de clubes da Europa o Zenit não vai bem, no Campeonato Russo o time não tem mais chances de títulos. Pode apenas sonhar com um terceiro lugar, que lhe daria a vaga para retornar à Liga dos Campeões em 2009.

Assim, para não ser eliminada de forma antecipada na primeira fase da Liga dos Campeões, a equipe russa deve vencer amanhã e torcer por um triunfo do Real Madrid sobre a Juventus, resultados o que permitiriam ao Zenit chegar aos mesmos quatro pontos do time italiano, que apenas empatou em casa em 2 a 2 com o BATE na última rodada.

Para conquistar os três pontos a equipe comandada pelo holandês Dick Advocaat deve ter a mesma escalação que usou no jogo contra o Spartak Nalchik, no último sábado pelo Campeonato Russo. No entanto, algumas mudanças podem ocorrer, como a saída de Pogrebnyak, que não vem bem nos últimos jogos. No lugar dele poderia entrar o argentino Domínguez, que formaria um trio de ataque com Arshavin e o português Danny.

Já o BATE Borisov, que viaja para a Rússia sem nada a perder, tenta repetir o feito da última rodada, quando empatou com a Juventus dentro de casa. Para isto, o jovem treinador Viktor Goncharenko, de 31 anos, terá a volta do defensor russo Jagush, que não pôde atuar no empate com a Juventus em 2 a 2 por estar suspenso.

Isso dá um certo alívio a Goncharenko, que enfrentará um adversário com três bons atacantes.

"Os meias e atacantes do Zenit estão muito compenetrados. Zyriánov é imprevisível, e Arshavin e Danny não precisam de apresentação", comentou ele, que também contará com seus dois atacantes titulares: Blizniuk, artilheiro da equipe, e Rodionov.

O líder do grupo H é o Real Madrid, com seis pontos. A Juventus tem quatro e está em segundo. BATE, com um, e Zenit, com zero, são os últimos da chave.

Prováveis escalações:

Zenit: Malaféev; Sirl, Krizanac, Puygrenier e Anyukov; Denísov, Tymoschuk e Zyriánov; Arshavin, Danny e Pogrebnyak (Dominguez). Técnico: Dick Advocaat.

BATE Borísov: Veremko; Rzhevsky, Sosnovski, Jagush e Yurevich; Krivets, Sivakov, Nejáichik e Volodko; Rodionov e Blizniuk. Técnico: Viktor Goncharenko.

Árbitro: Pedro Proenza (POR), auxiliado por seus compatriotas Bertino Miranda e Jose Tiago Garcias.


Leia mais sobre: Zenit BATE Borisov



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo