iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

19/10 - 14:44

Duelos entre Brasil e Argentina marcam quartas da Sul-Americana

Parada mais difícil será a do Internacional, que encara o Boca Juniors

EFE

SÃO PAULO - Três confrontos entre equipes de Brasil e Argentina são os destaques da Copa Sul-Americana, cujo único "intruso" é o Chivas Guadalajara, do México.

O primeiro destes jogos ocorre já na terça, quando o Botafogo vai a La Plata encarar o Estudiantes. Cada vez mais distante do grupo que se classifica à Libertadores, os comandados do técnico Ney Franco devem concentrar seus esforços na competição.

Além de encarar a pressão da torcida, o time carioca precisará se recuperar da derrota de sábado para o Santos por 1 a 0 em pleno Engenhão, pelo Campeonato Brasileiro. A equipe aparece em sexto, mas pode perder uma posição caso haja o Coritiba empate ou vença o Goiás hoje, em Curitiba - ou se os goianos vencerem.

O Estudiantes, que venceu o Gimnasia de Jujuy no último compromisso pelo Argentino, vem melhorando desde a chegada do ex-jogador do Grêmio Leonardo Astrada como técnico. Outros trunfos são os artilheiros José Luis Calderón e Mauro Boselli, além do experiente meia Juan Sebastián Verón.

Na quarta, o Internacional recebe o Boca Juniors no Beira-Rio, em partida que reúne os campeões da Libertadores em 2006 e 2007, respectivamente. O jogo ganha ares de decisão para ambos em virtude das más campanhas de brasileiros e argentinos em seus campeonatos nacionais.

Os gaúchos subiram momentaneamente à sétima posição do Brasileiro ao baterem o Atlético-PR no sábado, mas estão dez pontos atrás do rival Grêmio, que lidera. Já o Boca, que terá o grande rival River como adversário de hoje, aparece a 11 do San Lorenzo, na ponta.

Nas últimas semanas, o ambiente no clube argentino ficou bastante pesado pelas declarações entre o zagueiro paraguaio José Luis Cáceres e o meia Juan Román Riquelme, que trocaram acusações. O técnico Carlos Ischia vinha usando reservas, mas deve optar por uma formação mais forte.

No Parque Antártica, em São Paulo, o Palmeiras enfrenta o Argentinos Juniors, também na quarta. Teoricamente os brasileiros aparecem como favoritos, pois são vice-líderes do campeonato nacional, enquanto o rival é apenas o 15º.

Mas o técnico Vanderlei Luxemburgo e seus jogadores precisam ficar atentos: o Argentinos tirou o San Lorenzo, líder da competição em seu país, e o San Luis, que também cumpre excelente campanha no Campeonato Mexicano.

Por sua vez, o Palmeiras sofreu até o fim para passar pelo modesto Sport Áncash, do Peru, com um gol nos minutos finais. A escalação dependerá do resultado de hoje no clássico com o São Paulo - que pode até deixar a equipe em quarto, a cinco pontos do Grêmio, em caso de derrota.

Completando os confrontos da semana, o também argentino River Plate e pega o Chivas, que eliminou o Atlético-PR nas oitavas. As duas equipes também estão mal em seus países e vêem a Sul-Americana como uma chance de redenção.

O River, que dividia a lanterna do Argentino, conta com o retorno da dupla formada pelo colombiano Radamel Falcao García, recuperado de uma lesão, e o uruguaio Sebastián Abreu, um dos principais artilheiros das Eliminatórias Sul-Americanas à Copa de 2010.

Programação de jogos da semana (horários de Brasília):.

21/10.

Estudiantes (ARG)-BOTAFOGO (BRA), em La Plata (ARG) - 21h.

22/10.

River Plate (ARG)-Chivas (MEX), em Buenos Aires (ARG) - 19h.

INTERNACIONAL (BRA)-Boca Juniors (ARG), em PORTO ALEGRE (BRA) - 22h05.

PALMEIRAS (BRA)-Argentinos Juniors (ARG), em SÃO PAULO (BRA) - 22h05.


Leia mais sobre: Copa Sul-Americana



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo