iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

18/10 - 20:22

No Canindé, Grêmio enfrenta a raça lusa para se manter na ponta
“Se acontecer um empate no clássico de São Paulo e vencermos favorece bastante para gente", disse Victor

Gazeta Esportiva

SÃO PAULO - Depois de passar todo o mês de setembro sem vencer no Brasileiro, o Grêmio reencontrou o ânimo e a liderança com duas vitórias consecutivas no Olímpico. E para manter o clima tranqüilo na briga pelo tricampeonato nacional, o time de Celso Roth tem que mostrar que também voltou a ser forte fora de casa.

Neste domingo, o compromisso é no Canindé às 18h10 (de Brasília) diante de uma Portuguesa que aposta na garra para fugir da zona de rebaixamento.

Os tricolores desembarcam em São Paulo mais calmos depois de dias de revolta nos bastidores. Durante a semana, o clube foi do desespero ao alívio de ver sua situação, momentaneamente, reparada. Nos últimos dias, quatro jogadores foram julgados e suspensos. Mas, para felicidade do técnico, nem todos estão vetados. Léo, Réver e Morales receberam penas duras, mas conseguiram efeito suspensivo. Assim, Tcheco é o único desfalque e completa três partidas de ausência.

Não bastassem os problemas no tribunal, o clube está envolvido no processo eleitoral que definirá o novo presidente. Para evitar que a política interfira no rendimento dos comandados de Celso Roth, a diretoria antecipou em um dia a viagem para São Paulo. E o treinador pôde se restringir a trabalhar a equipe no campo sem pressões.

Com a vitória dos advogados, Roth poderá manter o esquema 3-5-2. Durante a semana, ele chegou a testar o time no 4-4-2 com o lateral esquerdo Hélder indo para a reserva e Souza começando entre os titulares, mas não deve abdicar de sua formação tática padrão.

O meia Douglas Costa, de 18 anos, tem sido destaque e segue no time. Mas ainda restam duas dúvidas para confirmar a escalação. Na defesa, Pereira, recuperado de lesão muscular, pode entrar na vaga de Willian Thiego, que trabalhou na equipe principal na maior parte do tempo. O mesmo acontece com Perea, que retomaria a sua posição deixando Soares na reserva.

Em meio às dúvidas, os gaúchos entram no Canindé sabendo o que precisam fazer para fecharem a 30ª rodada como líderes. O clássico entre Palmeiras e São Paulo já terá terminado e os gaúchos, que começam a rodada dois pontos à frente do Verdão e a quatro do Tricolor, estarão cientes se uma vitória assegurará o primeiro lugar ou dará ainda mais vantagem na ponta.

“Se acontecer um empate no clássico de São Paulo e vencermos favorece bastante para gente. Se vencermos fora, depois jogamos contra o Sport no Olímpico onde somos muito fortes. É um jogo importante para manter a liderança e quem sabe abrir uma vantagem para o time que vem atrás”, comentou o goleiro Victor.

Com pretensões opostas, a Portuguesa promete raça para finalmente voltar a vencer e ter chances de deixar a zona de rebaixamento. Dentre os quatro últimos colocados há nove rodadas, o técnico Estevam Soares garante que sua equipe não se intimidará com a condição do Grêmio na tabela.

“É o líder? É, mas a essa altura do campeonato não tem líder nem último colocado. Todos estão com a mesma disposição e com a mesma garra”, apontou o treinador, confiante de que neste domingo pode encerrar um jejum de três partidas sem vitória.

O otimismo do comandante tem explicação: o Canindé. Em seu estádio, a Rubro-verde tem 64% de aproveitamento dos 36 pontos que disputou, com oito vitórias, cinco empates e uma derrota nos 12 jogos sob seus domínios. Diante do Tricolor gaúcho, a ordem é se recuperar do empate sem gols com o Coritiba na última rodada.

“Nós estamos dentro dos nossos domínios e mais uma vez vamos tentar a vitória. Acho que dessa vez ela sai. No jogo passado, já escapou por pouco, mas temos condições de ganhar e, assim, respirar aliviado para pensar no futuro com mais tranqüilidade”, projeta Estevam.

A missão de deixar a Lusa calma estará com um time sem muitas novidades. São apenas duas caras novas na equipe. O goleiro Gottardi ganha chance devido aos problemas particulares de André Luís e a lesão de Sérgio. No ataque, Washington retorna à equipe no lugar de Jonas, que perde a titularidade no jogo seguinte à revolta que demonstrou contra Estevam Soares por ter sido substituído contra o Coxa.

FICHA TÉCNICA
PORTUGUESA X GRÊMIO

Data:
19 de outubro de 2008, domingo
Horário: 18h10 (de Brasília)
Árbitro: Ricardo Marques Ribeiro (MG)
Assistentes: Marcio Eustaquio Santiago (MG) e Flavio Gilberto Kanitz (GO)

PORTUGUESA: Gottardi; Ediglê, Bruno Rodrigo e Erick; Patrício, Dias, Rai, Preto e Athirson; Edno e Washington
Técnico: Estevam Soares

GRÊMIO: Victor; Léo, Willian Thiego (Pereira) e Réver; Felipe Mattioni, Rafael Carioca, William Magrão, Douglas Costa e Hélder; Soares (Perea) e Morales
Técnico: Celso Roth


Leia mais sobre: Grêmio Portuguesa



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo