iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

16/10 - 15:36

Solidário ao rival, Lauro diz que STJD não possui critério
“Acho que o fundamental neste tipo de julgamento é ter critério. Ficamos chateados porque não é feita a justiça"

Gazeta Esportiva

PORTO ALEGRE - A punição imposta pelo STJD aos jogadores do Grêmio repercutiu no Estádio Beira-Rio. Os jogadores do Internacional se sensibilizaram com as punições sofridas pelos rivais Léo, Réver e Morales.

“Acho que o fundamental neste tipo de julgamento é ter critério. Às vezes não há critério. Uma cotovelada para algum jogador é uma punição, para o outro a punição é diferente. Ficamos chateados porque não é feita a justiça”, comentou o goleiro Lauro.

O comentário é relativo ao fato de Léo ter sido suspenso por 120 dias por ter atingido uma cotovelada em Jorge Henrique do Botafogo. Enquanto o meia Diego Souza, do Palmeiras, não sofreu nenhum tipo de punição por ter feito o mesmo no volante Fabrício do Cruzeiro.

O Inter já se sentiu prejudicado por sentenças proferidas pela entidade em 2005. Na época, o então presidente do Tribunal, Luiz Sveiter, decidiu anular 11 jogos do Campeonato Brasileiro, pois o árbitro Edílson Pereira de Carvalho havia sido corrompido por um site de apostas e deixando estas partidas sob suspeição.


Leia mais sobre: Lauro Grêmio



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Vipcomm

Chateado
Embora o Inter não tenha sido prejudicado por decisões do STJD, goleiro se disse incomodado

Topo