iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

16/10 - 08:26

Corinthians abre mão de festa no Pacaembu para apressar acesso

Equipe fará dois jogos importantes fora de casa; no dia 8 de novembro, contra o Criciúma, e Juventude, no dia 15

Gazeta Esportiva

SÃO PAULO - Mesmo sem vencer há três jogos, o Corinthians segue liderando com sobras a Série B e faz contagem regressiva para enfim selar o retorno à elite nacional. Matemáticos apontam que o time tem 33% de chance de garantir o acesso no jogo contra o Paraná, no próximo dia 1º de novembro, no Pacaembu.

Assim, é bastante provável que a festa pela volta à primeira divisão aconteça longe da torcida e da casa alvinegra.

Isto porque, depois de encarar os paranaenses, pela 33ª rodada da Série B, a equipe de Mano Menezes faz dois jogos como visitante. Primeiro encara o Criciúma, no Heriberto Hülse, no dia 8 do próximo mês, e depois duela com o Juventude, em Caxias do Sul, no dia 15. A volta ao Pacaembu será em 15 de novembro, contra o Vila Nova, quando muito provavelmente o time já terá subido matematicamente.

Quando perguntados sobre o assunto, os jogadores do Timão admitem que preferem assegurar o retorno à Série A no Pacaembu, mas abrem mão da festa da torcida para atingirem o quanto antes o principal objetivo do clube na temporada.

“Para a torcida, seria importante voltar no Pacaembu, mas, para nós profissionais, não importa se for lá na Bahia ou aqui no Pacaembu. Tem que ser o quanto antes”, alertou Elias. Dentinho segue a linha do volante.

“Com certeza seria mais legal no Pacaembu, para ver a torcida feliz, mas a gente pode conquistar fora e depois voltar a jogar no Pacaembu e comemorar com eles. Nós jogadores temos que buscar o acesso em primeiro lugar”, salientou o atacante.

O elenco alvinegro, porém, garante que não quer garantir o mais rapidamente possível o acesso só para eventualmente ganhar as férias antecipadas. “Estamos focados primeiro no acesso, depois no título e só depois nas férias”, garantiu Elias.

“Se tivermos subido antes e já com o título antecipado, a diretoria deve começar a fazer o planejamento do ano que vem. E se eles acharem melhor que a gente saia antes de férias e volte antes também, estarei de acordo, porque será uma decisão em prol do Corinthians”, concluiu o camisa sete.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias