iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

16/10 - 16:47

Bachelet interrompe reunião para ver gol do Chile contra Argentina

"Precisávamos disso, há muito tempo não vencíamos a Argentina. Foi uma excelente notícia para todos"

EFE

SANTIAGO (Chile) - A presidente do Chile, Michelle Bachelet, revelou nesta quinta que interrompeu uma reunião para ver o gol que garantiu a vitória da seleção sobre a Argentina por 1 a 0, em partida das Eliminatórias Sul-Americanas à Copa de 2010 desta quarta-feira.

Pela noite, Bachelet estava com autoridades da região de Bío-Bío, no sul do país, quando todos ouviram um barulho pela comemoração do gol, marcado pelo atacante Orellana.

A presidente saiu imediatamente da sala para buscar uma televisão para ver o replay do lance, aos 35 minutos de partida. Foi a primeira vitória dos chilenos sobre a Argentina em partidas oficiais - e apenas a sexta de toda a história.

"Foi muito emocionante para todos nós poder compartilhar esta tremenda alegria. Precisávamos disso, há muito tempo não vencíamos a Argentina. Foi uma excelente notícia para todos", disse Bachelet a jornalistas.

Em contrapartida, a polícia informou que 40 pessoas foram detidas nos arredores do Estádio Nacional de Santiago e na Praça Itália durante as comemorações posteriores à partida, que foram até a madrugada de desta quinta.

De todos os detidos, 22 foram por distúrbios, enquanto os outros acabaram levados pela Polícia por porte ilegal de armas e de drogas.


Leia mais sobre: Michelle Bachelet Chile

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias