iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

15/10 - 10:10

Rio Ferdinand: "Seleção parecia um circo antes de Capello"
Defensor criticou ambiente do English Team na última Copa do Mundo

Trivela.com

LONDRES (Inglaterra) - Rio Ferdinand comemorou a mudança do clima existente na seleção inglesa. O defensor do Manchester United disse, em entrevista coletiva nesta quarta-feira, que o English Team mais parecia um circo do que uma equipe realmente concentrada por um bom desempenho. Para o jogador, o responsável por isto se chama Fabio Capello.

“Nós nos tornamos um pouco de um circo, com relação à situação das WAGs [abreviação para o termo ‘mulheres e namoradas’, em inglês]. As pessoas estavam mais preocupadas em saber o que os outros estavam vestindo e para onde iam do que com o time’, afirmou o jogador.

Ferdinand falou especificamente do ocorrido em Baden-Baden, onde o English Team se concentrou para a disputa da Copa do Mundo-2006, na Alemanha. Lá, os jogadores tiveram a companhia das WAGs, o que segundo Ferdinand desviou o foco e prejudicou a equipe.

“Havia um grande show ao redor da seleção. Era uma coisa teatral e o futebol virou um elemento secundário do evento principal. Quando se pára e olha para trás, parece que vocês estava em um circo. Não direi aos outros jogadores o que eles devem ou não fazer, mas acho que, como equipe, nós nos abrimos demais, saindo em Baden-Baden, e provavelmente com muito contato com a família. Um jogador não disputa tantos torneios em sua carreira. É preciso estar focado para se dar a melhor oportunidade. O futebol não estava realmente separado do resto de nossas vidas”, afirmou.

O jogador do Manchester United também comentou sobre a mudança do ambiente com a chegada do treinador Fabio Capello. “Este é um regime bastante profissional, bem orientado pelos resultados, mais parecido com nossos clubes. Você vê como ele [Capello] é no campo, nos nossos encontros. Existe uma mentalidade vencedora aqui. Não quero falar muito cedo, mas estamos começando algo e espero que tenhamos recompensas maiores do que tivemos no passado”, completou.

 

Leia mais sobre:



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo