iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

15/10 - 12:40

Palmeirenses recuam e fogem de polêmica do favoritismo
“Não adianta ficar falando muito, pois muito blablablá não resolve nada”, comentou Élder Granja

 

Gazeta Esportiva

SÃO PAULO - Os palmeirenses Élder Granja e Alex Mineiro tentaram amenizar a polêmica iniciada no início desta semana sobre o favoritismo da equipe alviverde para o clássico de domingo contra o São Paulo. Após o lateral-esquerdo Leandro declarar que o Verdão tinha “de 60 a 70% de chances de vencer o Choque-rei”, a dupla nesta quarta-feira discursou de forma amena em Atibaia.

“Não adianta ficar falando muito, pois muito blablablá não resolve nada”, comentou Élder. “Em clássico não há favoritos, o vencedor é decidido dentro das quatro linhas. Falar demais não adianta”, acrescentou o camisa 2 do atual vice-líder do Campeonato Brasileiro.

O lateral-direito palmeirense, no entanto, tratou de ironizar o técnico são-paulino Muricy Ramalho. O comandante do Tricolor havia declarado na terça-feira que seus comandados são favoritos por chegarem embalados para a partida no Parque Antártica.

“Vamos ver domingo se ele chega embalado ou não. Isso se decide dentro de campo”, repetiu Élder Granja, que contudo deixou escapar que o Verdão está mais credenciado para sair do gramado com a vitória. “Temos um pouco mais de favoritismo porque vamos jogar na nossa casa”, ressaltou.

Artilheiro do Palmeiras no Brasileirão, o centroavante Alex Mineiro fugiu da polêmica e preferiu falar apenas da preparação da equipe na cidade do interior paulista. “O mais importante é falarmos do nosso grupo, que está fazendo um belo trabalho aqui em Atibaia”, discursou o camisa 9.

Alex também deixou claro que a diminuída no tom das declarações dos jogadores do Palmeiras não foi um pedido especial do técnico Wanderley Luxemburgo. “O nosso treinador é muito atuante nesse sentido (da preparação dos atletas para um clássico), mas isso de amenizar o discurso não é ordem dele. Parte de nós mesmos, é o nosso estilo”, concluiu.


Leia mais sobre:



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo