iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

14/10 - 09:34

Por título, Ceni avisa: “Temos de vencer o Palmeiras”

"O jogo de domingo vai dizer o que fazer até o final do campeonato”, ponderou o goleiro

Gazeta Esportiva

SÃO PAULO - O São Paulo está vivo no Campeonato Brasileiro, mas agora pretende mostrar que tem realmente chances de conquistar o título. A oportunidade de dar um importante salto na tabela será no jogo de domingo, contra o rival Palmeiras, no estádio Palestra Itália.

Ciente de que uma vitória faria o Tricolor ultrapassar o time de Vanderlei Luxemburgo, Rogério Ceni avisa que é essencial um triunfo na casa do adversário.

“Para chegarmos ao título, temos de vencer o Palmeiras na próxima rodada porque, caso contrário, a distância aumenta e fica difícil, mesmo porque o Grêmio jogará. Nunca jogamos fora a possibilidade de título, mas continua muito difícil porque temos grandes adversários pela frente e o líder ainda tem quatro pontos a mais que nós”, afirmou o capitão, que lembrou que a partida poderá colocar o Tricolor na briga direta pela taça.

“Ainda não é algo tão palpável, mas o jogo de domingo vai dizer o que fazer até o final do campeonato”, ponderou. O São Paulo aparece na quarta posição do Campeonato Brasileiro, com 52 pontos, mesmo número do terceiro colocado, o Cruzeiro. Já o vice-líder Palmeiras aparece com 54, enquanto o Grêmio carrega 56 na dianteira.

“Vai ser um jogo muito difícil e duro. Será bem equilibrado, e o Palmeiras vem de um empate, o que possibilitou essa aproximação do São Paulo. É um jogo que vale posição no campeonato. Não podemos dizer que vale titulo porque há uma equipe na frente dos dois, que é o Grêmio, mas será um jogo que encaminha as possibilidades de cada equipe”, analisou o capitão tricolor.

Apesar de afirmar que o clássico decidirá o caminho do Tricolor no Brasileirão, Rogério advertiu que uma eventual derrota não tiraria completamente as chances de títulos de sua equipe.

“Não dá adeus, porque senão o Flamengo teria dado adeus. A equipe que perder pode ficar atrás momentaneamente na competição, mas ainda faltarão mais 24 pontos para serem disputados. Uma derrota não dá adeus ao campeonato, mas faz perder muito terreno”, concluiu.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias