iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

14/10 - 11:40

No clássico, Verdão aceita “jogar feio e vencer”

Jogadores já cogitam a possibilidade de fugir das próprias características por 3 pontos no clássico

Gazeta Esportiva

SÃO PAULO - Todos os times dirigidos pelo técnico Vanderlei Luxemburgo contam com a característica de mostrar um futebol rebuscado. O Palmeiras de 2008 segue obviamente a mesma linha e agrada pelo bom toque de bola. Mas, no clássico deste domingo contra o São Paulo, o Verdão aceita a tática da eficiência para ganhar os três pontos.

“A minha preferência é apenas em ganhar a partida. Hoje o futebol brasileiro está nivelado demais”, comenta o lateral-esquerdo Leandro, principal assistente do Verdão na temporada.

O próprio São Paulo, próximo adversário alviverde, tem a característica de priorizar a conquista do resultado e está longe de encantar no Brasileirão. Para Leandro, a plástica do futebol fica em segundo plano em uma reta decisiva do Campeonato Brasileiro.

“Falam que o São Paulo jogou mal na última rodada e venceu Náutico. O Atlético-MG foi ao Rio Janeiro, ficou todo fechado atrás e venceu o Flamengo. O Cruzeiro também ganhou só por 1 a 0 do Ipatinga”, lembrou Leandro.

Um dos destaques do Verdão nas últimas rodadas, Diego Souza reconhece que a vitória é a prioridade no domingo. Porém, na visão do camisa sete, não há nada de errado em pensar em um bom espetáculo diante do Tricolor.

“Também prefiro jogar feio e vencer. Mas, se estamos jogando bonito e vencendo, é ótimo também”, explicou o jogador, principal articulador das jogadas do Palmeiras após a venda do chileno Valdívia.

Leia mais sobre:



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo