iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

10/10 - 17:09

Santos aposta na ‘família’ para suprir falta de Kléber Pereira

Para Rodrigo Souto, a ausência do goleador será sentida, porém, o seu substituto tem tudo para entrar em campo e desempenhar um bom trabalho

Gazeta Esportiva

SANTOS - A ausência do atacante Kléber Pereira, artilheiro isolado do Campeonato Brasileiro com 20 gols, é a maior preocupação santista para o jogo contra o Botafogo, dia 18, no Engenhão. Para minimizar a falta do centroavante, que irá cumprir suspensão automática diante dos cariocas, o Peixe aposta na união do grupo e na confiança que o treinador tem em todos os jogadores.

Para Rodrigo Souto, a ausência do goleador será sentida, porém, o seu substituto tem tudo para entrar em campo e desempenhar um bom trabalho. 'O Kléber Pereira é um jogador muito importante para nós. Só que não vamos poder contar com ele e precisamos dar força para quem for suprir a sua saída. Quem não está atuando e vai jogar tem de saber que também é importante, que pode entrar e mostrar um bom futebol', apontou.

O atacante Lima – provável substituto de Kléber Pereira – lamentou a forma como o atacante recebeu o cartão amarelo. 'Essas coisas acontecem quando se está de cabeça quente. Eu não tinha visto o lance direito, achei até que ele tinha tomado o cartão por reclamação. Ele faz falta, mas espero fazer os gols necessários, pois precisamos vencer. Estamos a um passo da Sul-americana e a outro da zona do rebaixamento', alertou.

Lima ainda aproveitou para destacar o novo momento vivido pelo elenco, desde que Márcio Fernandes assumiu o comando. ˝ Tudo mudou. Antes de ele assumir, nós vivíamos um momento conturbado. Agora não, formamos uma família. Temos um grande treinador e é visível a melhora da equipe nas mãos dele˝, elogiou.

Segundo o técnico, o seu método consiste em não deixar que os jogadores, mesmo aqueles que não estão atuando, fiquem desmotivados. 'É preciso dar confiança para ter retorno. Se o comandante não passa força, o atleta pode se sentir frustrado. Eu já fui jogador e sei como é', observou o comandante santista.


Leia mais sobre:



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo