iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

09/10 - 00:53

Santistas disparam contra arbitragem na derrota para o Grêmio

"Pior coisa que eu vi no futebol. Ele garfou o nosso time", disse Fabiano Eller, expulso por uma falta que não existiu

Gazeta Esportiva

PORTO ALEGRE - Os jogadores do Santos estavam absolutamente revoltados após a derrota para o Grêmio, por 2 a 0, no Estádio Olímpico, pela 29° rodada do Campeonato Brasileiro. Tudo por conta da arbitragem do carioca Marcelo de Lima Henrique, que foi cercado pelos atletas do Peixe após o término da partida.

Inconfomardo com o desempenho do árbitro, o zagueiro Fabiano Eller – expulso nos minutos finais, após receber o segundo cartão amarelo por uma falta inexistente – era o mais exaltado. "Pior coisa que eu vi no futebol. Ele garfou o nosso time. Tirou os pontos da gente, não do Grêmio. Eu sei que eu vou ser suspenso, mas ele tem que ser banido", afirmou. "Eu não vim aqui de brincadeira, foi para jogar futebol", completou, indignado.

O companheiro de zaga de Eller, Domingos, também mostrou todo o seu descontentamento pela maneira como o jogo foi conduzido. "Esse juiz está de brincadeira. O que ele fez aqui é sacanagem. Isso não existe no futebol. Ele simplesmente não dava nenhuma falta para o Santos, tudo era a favor do Grêmio. Assim fica difícil", disse.

Mais contido que os outros jogadores, o volante Roberto Brum também fez o seu protesto contra a arbitragem. "O Santos foi prejudicado. O futebol brasileiro tem que melhorar nesse sentido. Além dessa falta e da expulsão do Fabiano Eller, que não foi justa, antes tivemos um lance com o Carleto e ele não deu pênalti", disse, referindo-se ao lance em que o lateral santista chutou a bola, cortada com a mão pelo meia Soares, porém nada foi marcado.


Leia mais sobre: Brasileirão Santos Grêmio arbitragem



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo