iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

08/10 - 10:06

Morre o ex-volante são-paulino Chicão, o "Deus da Raça"

Apelidado de "O Deus da Raça", Chicão conquistou títulos e disputou 312 jogos pelo tricolor paulista

Gazeta Esportiva

SÃO PAULO - O São Paulo Futebol Clube está em luto. O ex-volante Chicão morreu na madrugada desta quarta-feira, na capital paulista, vítima de câncer.

Francisco Jesuíno Avanzi tinha 59 anos e será velado nesta quarta-feira, na Câmara Municipal de Piracicaba, sua cidade natal.

O “Deus da Raça” vestiu a camisa do São Paulo entre 1973 e 1979, tendo conquistado o Campeonato Paulista de 1975 e o primeiro Brasileirão da história do Tricolor, em 1977.

Em sua trajetória pelo clube, Chicão disputou 312 jogos, com um retrospecto de 142 vitórias, 111 empates e 59 derrotas. Ao todo, marcou 19 gols com a camisa tricolor.

Milton Neves
Em pé, com bigode, Chicão atuou com ídolos como Daryo Pereira e Seginho Chulapa


Além do Tricolor, o ex-volante atuou também por União Barbarense, XV de Piracicaba, São Bento, Ponte Preta, Atlético-MG, Santos, Londrina e Mogi Mirim. Chicão também defendeu a seleção brasileira na Copa do Mundo de 1978.

O presidente do São Paulo, Juvenal Juvêncio, decretou luto oficial no clube em função da morte do ex-jogador tricolor.


Leia mais sobre: Francisco Jesuíno Avanzi São Paulo



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Milton Neves

Jogador da seleção
Chicão defendeu o Brasil na Copa do Mundo de 1978 depois do título brasileiro

Topo