iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

06/10 - 09:59

Marcos foge do "salto alto" e não quer ver Palmeiras repetir rumo seguido por rivais

Goleiro está preocupado com a manutenção da liderança, agora que seu time está no topo da tabela

Redação iG Esporte

Acordo Ortográfico

SÃO PAULO - Flamengo, Cruzeiro e Grêmio já chegaram ao topo da tabela deste Brasileirão, seguraram a boa fase por, no mínimo, duas rodadas, mas sofreram queda de produção e agora correm atrás de recuperação.

Imparcial e cauteloso, Marcos quer segurar a empolgação do Palmeiras e evitar que o mesmo aconteça com o Palmeiras, que enfrentará o Figueirense fora de casa na quarta-feira.

Apesar do seu clube ser apontado como o principal candidato ao título, o capitão alviverde discorda das análises: "Ainda não dá para apontar um favorito. Se tivéssemos com uma boa vantagem, eu até poderia dizer o contrário. Está tudo muito nivelado. Os cinco primeiros colocados estão perto um do outro e, como ainda faltam 10 rodadas, a competição ganha em emoção e equilíbrio"

O Grêmio é o atual vice-líder apenas pelos critérios de desempate, já que tem o mesmo número de pontos do alviverde paulista, 53, e uma vitória a menos do que o rival.

Cruzeiro, Flamengo e São Paulo são os outros times na briga, com 4 pontos a menos do que o tricolor gaúcho.

Apesar de não esconder a satisfação com a fase do Palmeiras, Marcos quer evitar o "salto alto" e a acomodação do time: "não podemos bobear, pois todos os jogos são decisivos. É um momento que requer a doação máxima de cada um de nós", explica o goleiro, que não vê seu time perder há sete jogos.


Leia mais sobre: Marcos Campeonato Brasileiro



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Divulgação/Assessoria de Imprensa

Confiante, mas cauteloso
Marcos está empolgado com boa fase de seu time, mas quer espantar a acomodação

Topo