iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

02/10 - 16:17

Suspeito de agressão, Palermo é convocado pela Justiça argentina

Atacante é acusado de ter agredido empregado de um hotel de Buenos Aires, e pode pegar até um ano de prisão 

EFE

BUENOS AIRES (Argentina) - A Justiça argentina convocou o atacante Martín Palermo, do Boca Juniors, para depor a respeito do caso em que teria agredido um homem no final de 2007. O jogador deve comparecer ao Tribunal no dia 15 de outubro. Caso seja condenado, Palermo pode pegar de um mês a um ano de prisão.

O atacante é acusado de ter agredido o empregado de um hotel de Buenos Aires em dezembro de 2007.

O fato ocorreu quando o elenco do Boca chegou ao hotel e um funcionário, aparentemente torcedor do River Plate, provocou Palermo porque sua equipe havia perdido para o Tigre, por 2 a 1, pelo torneio Apertura do Campeonato Argentino.

Segundo a denúncia, Palermo teria reagido, batido no empregado e ferido sua sobrancelha.


Leia mais sobre: Martín Palermo Boca Juniors



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


AFP

Confusão em hotel
Suspeita recai sobre Palermo referente a uma suposta agressão ocorrida em 2007

Topo