iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

02/10 - 12:02

Perto de estrear, Diogo confessa deficiência na marcação
O diferencial do lateral-direito Diogo para se firmar no Corinthians, entretanto, é a versatilidade

Gazeta Esportiva

SÃO PAULO - O técnico Mano Menezes não se conformou apenas com os 17 gols marcados pelo lateral-esquerdo André Santos na temporada. Exigiu que o jogador melhorasse defensivamente. O lateral-direito Diogo espera fazer o mesmo para ganhar espaço na equipe do Corinthians.

“Marcar não é muito a minha especialidade”, confessou Diogo, que deverá estrear contra o Marília, sábado, em Londrina. “Atacar é mais fácil para mim, jogando como ala em um esquema de três zagueiros. O Corinthians não atua assim, mas o professor Geninho me ajudou muito no ano passado, quando o Sport tinha dois na zaga”, acrescentou.

O diferencial de Diogo para se firmar no Corinthians, entretanto, é a versatilidade. “Posso jogar também no meio-campo, mas o importante é estar bem fisicamente. No meio ou na lateral, quero dar o meu melhor para o time”, discursou o jogador, contratado há cerca de um mês. “Foi importante trabalhar a parte física antes de entrar em campo, já que fiquei algum tempo para no Sport.”

Na lateral direita, os concorrentes de Diogo serão Alessandro, suspenso para o jogo de sábado, e Denis, com quem disputará a vaga aberta entre os titulares neste sábado. “São duas pessoas que também têm um bom futebol. Vamos deixar o professor definir quem vai jogar”, sorriu o recém-chegado.

Mas Diogo não se importaria se Denis enfrentasse o Marília e sua estréia fosse adiada para a próxima partida do Corinthians em casa. “Se o meu primeiro jogo fosse no Pacaembu, seria melhor para sentir o calor da torcida. Mas não posso escolher”, afirmou.

Leia mais sobre:



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo