iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

02/10 - 12:22

Muricy tem dúvida no ataque e mostra cautela com Ceni
No coletivo desta quinta, Muricy iniciou com apenas um atacante de ofício, Borges, sendo que André Lima só entrou no decorrer da atividade

Gazeta Esportiva

SÃO PAULO - O técnico Muricy Ramalho ainda não decidiu a escalação do São Paulo para a partida contra o Ipatinga, neste sábado. Sem poder contar com Dagoberto, suspenso, o comandante está preocupado com as condições de Borges e André Lima, que vêm de problemas musculares.

“Estamos com problema porque o Borges vem de um problema físico. O André estava um pouco complicado, porque tinha sentido as costas e só foi liberado hoje. Essa é nossa duvida. Não sei se arrisco com os dois. Estamos pensando e vamos resolver”, afirmou o comandante.

No coletivo desta quinta, Muricy iniciou com apenas um atacante de ofício, Borges, sendo que André Lima só entrou no decorrer da atividade. Enquanto tinha apenas um avante de oficio, o comandante adiantou Hugo para a linha de frente e ficou satisfeito com o que viu. “Ele um dos artilheiros do time, e o meio-campo fica forte também”, comentou.

No meio-campo, Muricy escalou Jean, Hernanes e Zé Luis, além de deixar Joilson e Jorge Wagner nas alas. Apesar da formação teoricamente defensiva, o treinador garante que a tática não é defensiva.

“Infelizmente, no Brasil, as pessoas pensam que você é ofensivo só quando põe cinco atacantes. É um modo ruim de ver futebol. Tem de ver como o time fica quando está com a bola. Essa é a forma inteligente de ver futebol. Se jogarmos desta forma, o Hernanes e o Jean vão ser meias”, explicou.

A dúvida de Muricy não está apenas no sistema ofensivo. O comandante também admitiu nesta quinta-feira que dificilmente Rogério Ceni terá condições de atuar contra o Ipatinga. Apesar de o goleiro ter mostrado vontade de se recuperar a tempo para atuar, o técnico mostra cautela sobre o assunto.

“Está difícil. Eu estava falando com ele agora e sei que tem toda a vontade do mundo de jogar, mas problema muscular é complicado. Se levá-lo e ele não poder jogar, vai perder muito tempo de tratamento, sendo que o jogo seguinte será já na quinta”, ponderou.

Rogério Ceni sofreu um estiramento muscular na coxa direita na semana passada e segue em tratamento intensivo. O goleiro, porém, só deve estar pronto para atuar contra o Náutico, dia 9.


Leia mais sobre: São Paulo Muricy Ramalho Rogério Ceni



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Vipcomm

Capitão de fora
Rogério Ceni já treinou com bola, mas dificilmente entrará em campo contra o Ipatinga, no sábado

Topo