iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

02/10 - 10:07

Após primeiro tropeço em casa, Vila busca pontos como visitante

Invencibilidade foi por terra na última terça, na 29ª rodada, quando o clube goiano recebeu o Paraná

Gazeta Esportiva

GOIÂNIA - O Vila Nova é considerado um dos times com o melhor aproveitamento em casa nos jogos da Série B do Campeonato Brasileiro. Nas primeiras 28 rodadas da competição, o Vila fez 14 partidas no Serra Dourada, vencendo 11 e empatando apenas três, sem derrotas.

Com isso, fazia planos de voltar à Série A (o que não consegue desde 1983) apenas vencendo os compromissos que faria como mandante.

Entretanto, a invencibilidade foi por terra nesta terça-feira, na 29ª rodada, quando o clube goiano recebeu o Paraná – justamente um dos times com pior retrospecto como visitante – e foi derrotado por 2 a 0. Foi a primeira derrota do Vila Nova como anfitrião no Serra Dourada desde 16 de março, quando o clube perdeu para o Atlético-GO por 4 a 0 para o Campeonato Goiano na primeira rodada do terceiro turno da competição.

O elenco, porém, tenta não se abalar com a derrota para os paranistas. “Um dia, iríamos perder no Serra. Os tropeços acontecem. Agora, é recuperar os pontos fora de casa”, afirma o volante Heleno, segundo o jornal Diário da Manhã. “Temos cinco jogos em casa e temos a obrigação de vencer todos, sem desculpa. Ainda precisamos um ou dois resultados positivos fora de casa”, concorda o técnico Givanildo de Oliveira.

O treinador não escondeu a meta de aproveitar os jogos em Goiânia para subir, tentando compensar a derrota somando pontos como visitante. Entretanto, os dois próximos jogos do clube colorado são decisivos, já que a equipe deixa seus domínios para enfrentar Bahia e Santo André – respectivamente o 11º e o quinto colocados, ainda que com um jogo a menos que os comandados de Givanildo.

No primeiro turno, porém, o Vila Nova não conseguiu vencer os dois rivais, jogando no Serra Dourada e empatando respectivamente por 1 a 1 e 2 a 2. Por isso, despertam preocupação no caminho para o acesso. “São adversários complicados, por isso temos que jogar com muita vontade. Nessa reta final, tudo fica mais difícil, e nosso time está visado”, adverte Heleno.


Leia mais sobre:



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo