iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

01/10 - 18:22

Patrocinador coloca permanência nas mãos da diretoria do Flu
“O que eu posso garantir é que temos um contrato até 2009 e vamos cumprir", disse o presidente da Unimed, Celso Barros

Gazeta Esportiva

RIO DE JANEIRO - Em meio à luta para fugir do rebaixamento no Brasileiro, o Fluminense também convive com problemas fora das quatro linhas. Em uma reunião do Conselho Deliberativo do clube, no início da semana, alguns conselheiros teriam pedido a saída da Unimed. O presidente do patrocinador, Celso Barros, contudo, garantiu que fica nas Laranjeiras, mas colocou a permanência nas mãos dos cartolas.

O empresário descartou nesta quarta-feira a possibilidade de rescindir o contrato que vai até o final do ano que vem. Entretanto, deixou claro que não poderá impedir a diretoria de tomar tal decisão, caso julgue necessário.

“O que eu posso garantir é que temos um contrato até 2009 e vamos cumprir. Se, por ventura, o clube quiser negociar com outro patrocinador, iremos acatar a decisão”, afirmou Barros.

Além da briga com o patrocinador, financiador de boa parte dos jogadores tricolores, os conselheiros também estariam pressionando para demissão do coordenador de futebol Branco.

Diante da crise, o presidente Roberto Horcades tentou minimizar a situação e garantiu que não pensa em mudanças radicais. “Dentro da democracia que impera no clube, todo conselheiro tem o direito de se expressar. Mas a opinião de um membro não reflete a de todo o Conselho e muito menos a do presidente do clube”, discursou.


Leia mais sobre: Fluminense Campeonato Brasileiro



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Photocamera

Com sérios problemas
O atrito com o patrocinador é um dos menores do Flu, já que a equipe é a lanterna do Brasileirão

Topo