iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Futebol

01/10 - 22:34

Fluminense só empata com o Goiás no Maracanã

Com o resultado, o Tricolor das Laranjeiras deixou a lanterna do Brasileirão, mas segue ameaçado pelo rebaixamento

Gazeta Esportiva

RIO DE JANEIRO - O Fluminense voltou a decepcionar sua torcida e ficou no empate com o Goiás por 1 a 1 em partida disputada neste terça-feira no Maracanã, na abertura da 28ª rodada do Campeonato Brasileiro. Apesar de ficar com um jogador a mais durante grande parte do segundo tempo, o Tricolor das Laranjeiras desperdiçou muitas oportunidades e não conseguiu obter a vitória de que tanto necessitava. Veja os gols da partida no player ao lado >>

Com o resultado, o Tricolor deixou a lanterna em poder do Vasco e agora está na penúltima colocação com 27 pontos ganhos. Já o Goiás que vinha de cinco vitórias seguidas agora chega ao sexto lugar com 43 pontos.

O resultado castigou o Fluminense que teve maior posse de bola, criou diversas oportunidades mas errou muito nas conclusões, principalmente com Ciel. Já o Goiás mostrou ser um time muito bem armado por Hélio dos Anjos e que jogou com muita bravura para superar a inferioridade numérica no segundo tempo. Na próxima rodada, o time carioca vai à Arena da Baixada enfrentar o Atlético Paranaense. Já o Goiás vai receber o Internacional no Serra Dourada.

O primeiro tempo começou debaixo de uma chuva muito forte e o Goiás deu o primeiro susto na torcida tricolor logo no seu primeiro ataque quando Fernando bateu da entrada da área e a bola se chocou com a trave de Fernando Henrique. O Fluminense teve uma boa chance quando Ciel foi lançado por Conca mas demorou muito a cruzar e desperdiçou a jogada. O campo pesado dificultava as jogadas.

Mesmo perseguido, Conca era o melhor jogador do Fluminense, tentando evitar a marcação e as armadilhas do campo pesado. O argentino quase marca aos 11 minutos quando Júnior César cruzou da esquerda e o jogador tricolor escorou com grande perigo para o goleiro Harley.

O Goiás se defendia bem e só saia em lançamentos longos para o veterano Iarley. Aos 13 minutos, Júlio César arriscou de fora da área e a bola passou raspando. Aos 18 minutos, o Goiás abriu o marcador em lance iniciado por Iarley que enganou a marcação e cruzou para Vítor escorar para as redes.

O gol não desanimou o Fluminense, que permaneceu pressionando em busca do gol de empate. E o empenho da equipe tricolor acabou premiado aos 36 minutos quando Conca cobrou falta, a bola passou por todo mundo e enganou o goleiro da equipe goiana. Dois minutos depois o Fluminense perdeu um gol incrível quando Arouca arrancou pela direita e quando tinha Washington e Ciel livres na pequena área, fez um passe com muita força e Ciel não conseguiu empurrar a bola para as redes.

Aos 41 minutos, Fredson que tinha entrado no lugar de Ramalho, fez falta violenta e recebeu cartão vermelho. Logo depois, Maicon colocou a mão na bola e como já tinha cartão amarelo, também foi expulso.

O Fluminense voltou para o segundo tempo com a mesma disposição ofensiva da etapa inicial, mas a pressão tricolor era bem suportada pela equipe goiana que recuou para segurar o empate embora ainda tivesse muito tempo pela frente. Muito lançado por Conca, o lateral Carlinhos sempre errava o último passe. O técnico Cuca decidiu substituí-lo pelo estreante Elias e na sua última jogada, Carlinhos cruzou e Ciel quase marcou, mas se embolou com os zagueiros e Rafael Marques, no sufoco, acabou salvando o perigo.

Aos 17 minutos, Fernando que já tinha cartão amarelo, empurrou Ciel e recebeu o segundo cartão amarelo, deixando o Goiás com um jogador a menos do que o do time carioca. Na cobrança de falta, após confusão na área, Edcarlos chutou para fora, desperdiçando outra oportunidade para desempatar.

O Tricolor seguia na pressão e aos 20 minutos, Harlei soltou uma bola chutada por Roger mas Washington não conseguiu concluir. Aos 25 minutos, Ciel voltou a perder um gol incrível ao receber uma bola na frente de Harlei e bater por cima, levando a torcida tricolor à loucura.

O Goiás desistiu inteiramente de procurar o ataque e passou a se preocupar apenas em se defender, mesmo correndo muitos sustos com a pressão tricolor como aconteceu aos 33 minutos quando Conca fez bela jogada individual pela direita e cruzou mas nenhum atacante alcançou a bola.

Na sua última tentativa, Cuca trocou Ciel pelo grandalhão Somália. Nos minutos finais, a partida ficou dramática com os dois times buscando o gol da vitória. No último minuto, Fernando Henrique ainda evitou um desastre maior ao evitar com grande defesa o segundo gol da equipe do Planalto Central.

FICHA TÉCNICA
FLUMINENSE x GOIÁS  (Veja como foi o jogo lance a lance)

Local: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 1 de outubro de 2008 (Quarta-feira)
Horário: 20h30 (de Brasília)
Árbitro: Wilson Luiz Seneme (Fifa-SP)
Assistentes: Milton Otaviano dos Santos (Fifa-RN) e José Silveira (RS)

Cartão Amarelo: Maicon, Arouca(F); Rafael Marques, Fernando(G)
Cartão Vermelho: Maicon(F); Fredson, Fernando(G)

Gols: FLUMINENSE: Conca aos 36 minutos do primeiro tempo
GOIÁS:Vítor aos 18 minutos do primeiro tempo

FLUMINENSE: Fernando Henrique, Carlinhos, Edcarlos, Roger e Júnior César; Romeu, Arouca(Alan) e Darío Conca; Maicon, Washington e Ciel(Somália)
Técnico: Cuca

GOIÁS: Harlei, Ernando, Rafael Marques e Henrique; Vítor, Fernando, Ramalho(Fredson), Júlio César e Thiago Feltri(Lusmar); Fábio Bahia e Iarley(Lima)
Técnico: Hélio dos Anjos


Leia mais sobre: Fluminense Goiás Brasileirão



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo